.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Vida, a grande mãe que nos envolve.


Tumblr.

"Cada um ao seu modo contém a mesma essência divina que nos percorre a todos: a Vida.
Com isso perdemos o falso senso da 'nossa própria importância'.
Deixamos de ser o centro do universo. Mas o que perdemos em importância ganhamos em fraternidade: já não estamos sozinhos.
A vida é uma grande mãe que nos envolve."
(Rubem Alves)

Tenho lido, observado e me interessado muito pelo ser humano e sua interação como parte vital no mundo em que vivemos, pois isto me intriga a cada dia quando penso o quanto somos pequenos e ao mesmo tempo, elos tão importantes nesta cadeia que abastece o universo de vida e pulsação. 
Não obstante tantas coisas horríveis que o próprio homem comete contra si mesmo e contra a natureza e os animais, ainda assim, ele é a criação divina mais perfeita, com o campo energético que possui e que é alterado de acordo com a energia que o cerca, como as marés, as estações, o Sol, a Lua, os ventos, os furacões, os sons ... tudo em perfeita harmonia como o criador fez e conduz.
Esta visão da humanidade como parte da cadeia de Vida na Terra e no Universo instiga, atrai pela sua complexa e enigmática grandeza. Estamos nesta conexão conscientes ou mesmo inconscientes, mas tudo isso rege nosso universo e se resume em 

Vida
















11 comentários:

Dra. Cristiane Marino - Mulheres em Círculo disse...

Oi Beth, achei linda a imagem do universo na palma da mão.
Também me pego fazendo essas reflexões, temos o potencial divino em nós, porque será que tantas pessoas o utilizam de forma destrutiva?
Tento fazer o melhor que posso e pelo menos manter uma centelha de luz acesa...
Bjs

Cristina Pavani disse...

Olá, Alfazema!
Quando eu vivia na zona rural esta relação era nítida, tanto com o universo grandioso (e nós, minúsculos), quanto com vizinhos de outras fazendas a alguns quilômetros.
Hoje temos vizinhos ao lado e não interagimos o suficiente, apenas o mínimo necessário...
Com a geração de filhos únicos, esse sentimento pertencer se perde ainda mais.

Abreijos procê!

✿ chica disse...

A vida, a conexão, a essência ... Todos nós com a mesma e tão diferentes em agir, pensar, viver... Adorei teu post e as ilustrações maravilhosas! beijos, lindo fds! chica

Maria Célia disse...

Olá Beth
Que imagens fantásticas, assim como suas palavras, sempre escritas com muita firmeza, verdade e sabedoria.
Gosto muito de ler tudo que você escreve, acho você muito inteligente e culta.
Um beijo e um ótimo fim de semana.

Jô Turquezza disse...

Oi Beth, imagens lindas.
Leitura interessante.
Ótimo fim de semana. Beijos.
Venha ver você no meu blog
http://joturquezzamundial.blogspot.com.br/2015/08/cafeteria.html

pensandoemfamilia disse...

Essas são reflexões importantes, somos parte da cadeia da vida. Não somos mais, nem menos, porém infelizmente estamos destruindo a vida neste planeta. bjs.

Tina disse...

Oi Beth!

Lindo texto, imagem perfeita ! Parabéns.

Boa semana querida,

beijo grande.

Toninho disse...

Muito linda sua postagem Beth.
Esta interação, estes laços são perfeitos aos que se permitem.
Ilustrações maravilhosas.
A voce uma linda semana com paz e alegria.
Abraços amiga.
Bju

Beatriz disse...

Maravilha Beth!
A vida é tudo isso e mais um pouco que descobrimos a cada dia...
O ser humano é realmente intrigante... Ao mesmo tempo que constrói, é capaz de destruir num piscar de olhos, seja a vida alheia ou uma obra milenar que conta a história da própria humanidade. Fico pasma quando vejo certas coisas que acontecem por aí! Mas acredito que a vida é muito mais que isso, e que um dia voltaremos a ter paz no mundo para sermos merecedores dela!

Beijinhos querida

Bia
www.biaviagemambiental.blogspot.com

Josiane Cavalli disse...

Amei seu cantinho já estou seguindo, estou começando agora como blogueira gostaria que visitasse minha pagina e me seguisse, obrigada bjsss
http://josianecavalli.blogspot.com.br

Lúcia Soares disse...

Por isso ainda gosto mais de gente. rs
Somos a razão do universo existir, ou o contrário? Acho que ninguém tem a resposta.
Beijo.