.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

quinta-feira, 5 de junho de 2014

Pra defender o velho Chico.


Já dizia Guimarães Rosa em seu belo Grandes Sertões Veredas:

“Quando escrevo, repito o que já vivi antes.
E para estas duas vidas, um léxico só não é suficiente.
Em outras palavras, gostaria de ser um crocodilo vivendo no rio São Francisco. Gostaria de ser um crocodilo porque amo os grandes rios, pois são profundos como a alma de um homem.
Na superfície são muito vivazes e claros, mas nas profundezas são tranquilos e escuros como o sofrimento dos homens.” 

Nosso país é privilegiado em natureza, aqui encontramos as mais variadas espécies de plantas e animais, assim como cerca de 12% da água doce superficial do planeta corre em nossos rios.
Mas toda esta abundância precisa ser protegida e preservada, e um dos mais importantes e queridos rios do Brasil, o São Francisco, o rio conhecido como da integração social, pois liga o Sudeste, o Centro-Oeste e o Nordeste,  pede socorro e agoniza em alguns pontos, onde o assoreamento do rio pela perda da mata ciliar, a falta de amor de alguns ribeirinhos que também contribuem para o aumento da destruição pela introdução de extensas áreas de pastagens, culturas de sub-existência nas margens e aplicação de agrotóxicos e a pesca e caça predatórias que exterminam peixes e outros animais, uns por falta de conhecimento, e outros por interesse da ganância pelo bem do capital. 

Mais uma causa para a gente abraçar nesta data tão simbólica e propícia, ou seja, vamos assinar o abaixo assinado e defender o velho Chico.


(...) amo os grandes rios, pois são profundos como a alma do homem.
Amo ainda mais uma coisa de nossos grandes rios: sua eternidade.
Sim, rio é uma palavra mágica para conjugar eternidade.

João Guimarães Rosa

(...) e, eu, rio abaixo, rio afora, rio adentro - o rio.
Guimarães Rosa

"Despoluir rios é algo caro e inviável a longo prazo, certo? Pelo menos é esse tipo de conversa que quase sempre escutamos de autoridades quando perguntadas sobre esse preocupante tema. Mas um sistema ecológico criado na Inglaterra une a despoluição dos rios à preservação da paisagem natural.
O sistema chama-se Biomatrix e trata-se de uma obra de engenharia flutuante de baixo custo que pode ser instalada em reservatórios, canais e lagos contaminados. Além disso, ainda pode ser adaptada para outros usos, como pontes flutuantes, ilha de habitat de pássaros, passarelas, obras de arte públicas ou sítio de ancoragem de barcos totalmente integrados ao sistema de tratamento."

Veja mais sobre este incrível sistema AQUI.

Canal Paco nas Filipinas, o antes e o depois:
canal_before
canal_after

5 de Junho - Dia Mundial do Meio Ambiente





14 comentários:

Regina Rozenbaum disse...

Já fui e já assinei. É mesmo incrível ver que em outros países tudo se resolve, mas aqui não. Há anos nossa Pampulha está para ser limpa e nada. Prometeram para a copa e... NADA. As desculpas são tantas! Agora, o turista que chegar verá lá de cima e aqui embaixo tb um e-nor-me esgoto a céu aberto e um fedor insuportável. Lixo puro acumulado por anos + despejo de esgoto. Mas a gente continua acreditando né Bethita?!
Beijuuss

✿ chica disse...

Beth, que bom se todos os nossos rios fossem despoluídos, bem tratados e cuidados com respeito.

Ainda falta muito por aqui! Na Europa conseguem despoluir e dá certo. Mas nosso Brasil ainda engatinha e tomara dê tempo ainda de arrumar os estragos todos! Vale assinar! beijos,chica

ONG ALERTA disse...

Verdade devemos respeitar a natureza pois um dia ela responde aos maus tratos....
Beijo Lisette

Lúcia Soares disse...

Um dó ver o São Francisco nessas condições. Já tinha recebido a petição por e-mail e assinado.
Fico mais sensibilizada ainda por ser um rio tão importante para Minas.
Essa limpeza toda pode ser deita aqui no Brasil, onde quisessem, pois dinheiro é o que não falta para roubarem, então que usem para o bem comum, não?
Beijo, Beth.

Antonio Reis disse...

É Beth um socorro de longas datas ao Velho Chico de tantas historias e inspirações.Muito se perdeu no tempo pela irresponsabilidade geral. Perdeu-se muito tempo para a consciência que um rio é como um ser humanos, que precisa de cuidados, e não basta só o velho Chico, mas todos seus afluentes que morrem a cada dia.Conheço vários trechos deste rio, da nascente ao nordeste e vi, vejo sua degradação com o tempo.Belo posicionamento e já assinei a petição pois faço parte.Sua postagem ficou perfeita com as ilustrações e o exemplo do canal é uma prova da boa vontade.Lembro que processou no Tietê, mas não acompanhei mais as melhorias.
Que viva a natureza, que saibamos preservar nosso meio,antes que tudo se reduza a cinzas.
Um lindo fim de semana a você com a paz que tanto sonhamos.
Um abração amiga.
Beijo de paz.

Célia Rangel disse...

Nossos atos inconsequentes hoje deixam marcas profundas de morte em nosso viver... Até quando ficaremos dormindo em berço esplêndido?
Abraço.

JAN disse...

Olá Beth!
Assinei e creio ter feito a minha parte, neste caso.

Que Deus proteja o "Velho Chico"!

Abração
Jan

Maria Célia disse...

Oi Beth
Ah, o Velho Chico, rio maravilhoso pedindo socorro, é muito triste.
É claro que vou assinar.
Um beijo

Marli Soares Borges disse...

Oi Beth,
Nossos rios, nossas terras, nossos animais, nosso ar, nosso espaço. Nem tão nossos assim, algum dia os deixaremos para outras gerações. É nisso que penso, em nossas ações e omissões, nossas conexões planetárias. O que fizeram e o que estamos fazendo? É minha amiga, acho que pirei!
Bjs
Marli
Blog da Marli

Calu B. disse...

Está mais que provado que havendo vontade e ação conjugadas para realizações positivas o certo acontece e nem é impossível, haja vista as modernas e eficientes alternativas de soluções não agressoras ao meio-ambiente e nem às populações.
Tenho carinho especial pelo velho Chico, Betinha, companheiro majestoso dos caminhos de férias.
Minha assinatura já está feita.
Bjkas e bom fds.
Calu

Rosa Baptista disse...

Olá Beth,
Já assinei a petição.
Acho extraordinário suas causas a querer dignificar o meio ambiente.
Um grande abraço,
Rosa de Lisboa ☆★☆★☆

Cristina Pavani disse...

Cheguei... Ótima tarde, Alfazema!
Está assinado. Conheço a Serra da Canastra, não longe daqui, onde se pensava que o Chico nascia. Agora, sabe-se que ele é mais longo ainda.
A arterosclerose não é uma doença grave apenas em humanos; rios sofrem a olhos vistos.
Parabéns pelas atitudes positivas, fico grata em poder participar!

Grande beijo.

Bianca disse...

Adorei o seu post, já assinei a petição!
Beijos

Luma Rosa disse...

Beth, eu já havia assinado essa petição em outra ocasião - recebi de outra blogueira pelo meu e-mail. Também já fiquei 3 horas em um catamarã passeando pelos cânions do Rio São Francisco. Um espetáculo que você não acredita que está definhando.
A natureza destruidora do homem está fazendo ele se auto-destruir. Que burro!!
Beijus,