.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

segunda-feira, 5 de julho de 2010

Vale a pena cuidar para usufruir de nossas casas


Eu gosto de ficar em casa, curtir o conforto do lugar que escolhi para viver, para descansar, para dormir até mais tarde nos finais de semana, ver um bom filme envolvida por almofadas e com os pés pro alto; comer as refeições calmamente numa mesa simples, mas arrumada dignamente para dar atenção ao que vamos comer; gosto também de ficar no meu cantinho do computador, com uma luz indireta para iluminar o teclado; tomar um banho morno, cheiroso e me lambuzar de cremes antes de dormir;  arrumar a cama e afofar com edredons macios para deitar à noite com um bom livro antes de pegar no sono, afundar os pés em tapetes macios e usar a luz de abajures para tornar os ambientes mornos e aconchegantes.  Nenhum lugar é melhor do que a nossa casa, nosso lar.  É em casa que podemos usufruir e exercitar todos os nossos sentidos, fortalecer nosso modo de viver, a fim de nos manter mais felizes e equilibrados para enfrentarmos o dia a dia do mundo lá fora.








"Conforto tem muito mais a ver com a maneira como sentimos as coisas do que com o jeito que as coisas são. Conforto é a qualidade do ar que respiramos, são as texturas que gostamos de tocar, ambientes que nos fazem instintivamente relaxar. Os móveis, por exemplo, são melhores quando grandes e multifuncionais: mesas grandes o bastante para trabalhar e para fazer uma refeição, sofás bons para a gente se esticar neles, camas que acomodam a família inteira.

Muitas casas parecem surpreendentemente desconfortáveis porque se distanciam muito de um jeito orgânico de viver o conforto: não oferecem nenhum lugar para as criaturas relaxarem e, simplesmente, existirem…Casas que são lindas, mas desprovidas desta qualidade sensual, são emocionalmente frias”     

“Viver num mundo iluminado artificialmente como nós fazemos, faz com que a gente não perceba a passagem do dia e das estações. Tente prestar atenção nisso. É uma grande pena perdermos todos os dias o fantástico show de luzes da Natureza. Sempre que possível, deixe as janelas abertas. E quando pensar que cômodo vai usar para que finalidade, tente incluir a quantidade, a qualidade e o ciclo da luz. Não faz sentido trabalhar num quarto escuro se um outro recebe uma boa iluminação…”.

(Ilse Crawford - The Sensual Home)



21 comentários:

Mari disse...

Beth, eu tb dou importância a cuidar da minha casa. Gosto mt do colorido na minha casa;sempre busco arrumar métodos pra organizar e dar mais espaço pois nosso apartamento é pequeno. Não tem nada de mais agradável q deixar a nossa casa com aquele cheirinho de limpeza e bonitinha do jeito q a gente gosta. É mt importante pra nossa saúde estarmos de bem com nossa casa
Beijos

Tati Pastorello disse...

Oi Beth, ótimo texto e, no meu caso, bem oportuno! Moro num apartamento amplo para 2 quartos, mas o mais especial é a vista da sala, que é ampla, ensolarada, com belos morros (chamo de colinas verdejantes... hahaha) em frente. Vista livre e bela. Amamos! Até hoje ainda não colocamos as persianas. Está "em obra" desde que viemos morar e as persianas aguardam seu lugar na fila das prioridades. Tem tanto sol que às vezes é difícil estar na sala... hehee Mas é tão bom que, apesar de ter um espaço para escritório (escuro, sem janelas) é na sala que prefiro trabalhar. Coloco o computador na mesa ou no colo, no sofá. E mãos à obra!
Adorei!
Beijos.

rocosta disse...

Adoro ficar em casa, também. :-D
Beijos, muitos!

ps: Vou dar um tempo no blog, quando voltar te aviso.

Crica Viegas disse...

É exatamente esse tipo de sensação que minha casa inspira pra mim...e os amigos que aqui se aconchegam nunca querem ir em bora...é maravilhoso né...

Astrid Annabelle disse...

Bom dia Beth!
Nossa casa é nossa casa! E conforto uma prioridade!
Achei importante isso:
"É uma grande pena perdermos todos os dias o fantástico show de luzes da Natureza." Se é!
No apartamento atual em que estou não tenho uma vista cinematográfica com na anterior em que morava com o meu marido. Mas basta descer e o mar abre seus braços...
Adorei este seu post que revela muito de você...
Um beijo muito gostoso
Astrid Annabelle

Beta disse...

A casa que moro ainda não é a MINHA casa, mas adoro cuidar dela... Pena que não tenho muito tempo...

bj

Eduardo disse...

Beth, tambem acho que o melhor lugar eh a nossa casa. Viajo muito e o melhor da viagem eh sempre a volta para casa. Como escreveu o poeta: "a alegria de um barco voltando..."
Shrek

Renata disse...

Oi web-mommys!!
que delicia de post!!!
fui lendo e me sentindo mais aconchegada aqui no meu lar, doce lar...
adorei...
e nao sei pq, mas me deu uma vontade de comprar umas almofadas novas... hahahaha
beijos amore!

Lu Souza Brito disse...

Beth,

Vou até mostrar este post para meu marido, porque você simplismente o que ele sempre me fala (e concordamos claro).
Que a nossa casa deve ser aconchegante, iluminada, um lugar prazeroso de se estar. Que você saia do trabalho cansada e desejando sua casa, seu canto. Não apenas para dormir. Deve ser um lugar prazeroso, íntimo, acolhedor.
E nós que estamos em processo de reforma da casa que compramos, estamos estudando toda esta questão de aproveitar a luminosidade do dia, onde ficará cada coisa, por exemplo lado de sala e cozinha que vão pegar sol a manhã toda, enfim...
Muito legal! São coisas que muita gente não pensa.
Ele diz não entender como algumas pessoas as vezes investem em um super carrão, enquanto a casa é um lugar frio e desconfortável.
Não é mais o lugar que passamos o maior tempo do dia (não nós) mas deve ser o mais agradável para o pouco tempo que ali estivermos.

Isadora disse...

Beth compartilho com voce, esse gostar de casa, da nossa própria casa e de tudo de bom que nos proporciona. Conforto, aconcehgo na medida certa.
Hoje, lá no Tantos Caminhos tem um selo para você e uma perguntinha que não é nada difícil - rs. Deasafio da Tati do Perguntas em Respostas.
Um beijo carinhoso

pensandoemfamilia disse...

Oi querida

Casa e corpo, são as nossas moradas e como é importante sentí-los plenamente e colocá-los confortavelmente.
bjs

Heloísa disse...

Beth,
Eu também gosto demais de usufruir do conforto da minha casa.
E nas viagens longas, mesmo que maravilhosas, chega uma hora em que sinto falta de casa.
bjs

Teresinha Ferreira disse...

Olá Beth,
A nossa casa é o nosso aconchego. Ela pode ser mais simples do mundo, mas é o nosso lar. Nosso recanto de paz, união e amor.
Gosto muito de cuidar de cada detalhe para me sentir bem e confortável no dia a dia.
Felizes aqueles que tem sua moradia para desfrutar de momentos tão agradáveis junto aos seus.
Fique bem.

manuel marques disse...

A casa é o nosso ninho...

Beijo.

Barbie Girl disse...

E como é verdade, como é bom cuidar do nosso cantinho!

beijos

gabriela disse...

Beth minha querida amiga tenho andado ausente, mas agora com um pc novo vou vir aqui mais vezes é que o outro era muito lento me roubava muito tempo coitado já era velhote.
Hoje aqui está muito calor esteve 42 graus e no Alentejo houve localidades onde atinguiu 50 graus, isto é dose hoje só fui fazer a minha caminhada ás 7h da manhã e não voltei a sair á rua.
Gostei muito do seu post a nossa casa tem que ser a nossa cara, para nos sentirmos bem eu adoro cuidar da minha, em todo o lado tem o meu toque .
Beijinhos grandes desta amiga

Yoyo Pizy disse...

Sabe Beth, gosto tanto do meu lar que, muitas veses, já fiquei dias sem por a cabeça fora de casa,rs.
Beijão

Bia Mendonça disse...

Oi Beth!
Adoro sair, mas nao ha nada como a casa da gente! Ja que nao tenho minha casa ainda, meu cantinho eh o meu quarto que eh bem fresquinho e verdinho!

bjs

Ivana disse...

Bath, eu também adoro ficar na minha casa! Pra mim, é o melhor lugar do mundo... E olha que ainda estou só no começo de deixá-la com a cara que eu sempre quis...
Beijos!

Luciana Håland disse...

Beth, concordo demais, não existe lugar melhor no mundo do que nossa casa. Eu cuido bastante da minha, e cuido pra ter esse aspecto de aconchego, invisto em coisas agradáveis, estou sempre comprando algum agrado pra casa.
Beijo

Glorinha L de Lion disse...

Eu digo sempre que minha casa é meu castelo, e é pra lá que quero sempre voltar! Sentir-se bem onde moramos é uma felicidade indescritível. Beijos.