.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

segunda-feira, 23 de março de 2009

Haicai para celebrar o Outono

(Foto da parte centenária do Rio junto ao Paço Imperial-by myself)


As vielas do centro
na manhã outonal
correm mansas,
sinto as sombras.



Fiz este Haicai para homenagear a nova estação que já se instalou. Sinto que as noites estão mais frescas e as manhãs com sol ameno.

Uma das vertentes desse tipo de poesia sugere que os Haicais devem ser feitos para enaltecer ou simplesmente falar das 4 Estações do ano. Vejam aqui.

E você saberia fazer um Haicai para homenagear o Outono?



11 comentários:

Mila Viegas disse...

Lindo! Eis o meu:

Enquanto viajam
as folhas surruram -
O vento é o guia.

Amo Haicais.
Beijocas

Mila Viegas disse...

Escrevi errado... rsrs

É "sussurram"... rs

Conde Vlad Drakuléa disse...

Meu haicai está nos raios nostálgicos do sol do final da tarde, que ilumina agora as varandas da antiga casa, aonde outrora a vida existia em forma, cores e expressões diferentes... Hoje nestes antigos edifícios não há mais luz à noite, nem são ouvidas mais vozes em seus corredores, pois seus habitantes há muito já se mudaram de endereço e descansam agora... Mas de vez em quando os raios do sol conseguem iluminar seus interiores, celebrando assim a memória de tempos mais felizes, aonde as tardes eram mais doces e as brisas certamente mais perfumadas!

Horrível né? Não sou poeta, mas tentei pelo menos, hueheuheuhe! Grande beijo do conde Vlad e do Luiz, voei!

Mariana disse...

Pronto Beth! Fiz o post.
Desculpa, nao traduzi exatamente porque é difícil traduzir! Fiz uma mistureba e publiquei a montagem muito legal, que mostra bem esse ar "alemao" de petrópolis.
Super obrigada! Fiquei morrendo de vontade de conhecer! bjs mil

O Profeta disse...

O silêncio da solidão mora em meus olhos
Revela-se na tristeza, retém a palavra amarga
Tem a nudez de um aguaceiro de Maio
Uma garganta presa em grades que a voz embarga

Hoje a Ilha acordou presa ao silêncio
Os pássaros voaram no chão de barro frio
Esqueceram-se de subir ao azul
Lavaram as penas nas águas de um rio


Convido-te a descansar a alma nas minhas pedras de Ouro

Boa semana


Mágico beijo

Beth/Lilás disse...

Milaaaa,
Fico lindo!
Você é mesmo uma garota super poderosa!
beijos
------------------------------------------------------------------------------

acqua disse...

Bravo. Só me resta celebrar o outono por aqui também. Abraços meus

Georgia disse...

Ainda bem que pode-se fazer um Haicai de verao, porque eu nao estou querendo nada com o outono, nao.

Bjus

aminhapele disse...

Por aqui,ando nos haicais da Primavera!
Gosto muito.
Um abraço.

JAMES PIZARRO disse...

Obrigado pela visita e comentário no meu blog, onde és e serás sempre bem-vinda.
Bj

JP

ML disse...

Quem me dera, Beth!

Mas adorei a informação.

A foto ficou maravilhosa.

Você fez milagre porque o centro do Rio está hiper largado, né?

bjnhs