.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

sábado, 7 de março de 2015

Nosso Planeta em perigo.

Tumblr.

Quando todas as províncias do mundo estiverem abarrotadas
a ponto de seus habitantes não conseguirem subsistir onde estão,
nem migrar para outra parte ... o mundo irá purificar a si mesmo.
(Maquiavel)

Hoje, em todo o planeta, já somos mais de 7 bilhões de seres humanos, e justamente em virtude de nossa própria existência, estamos caminhando para um problema enorme em escala planetária, já que até o final deste século, seremos 5 bilhões a mais - tomamos muito espaço e devastamos com isso a natureza e os animais. Pesquisas revelam que em 4 décadas, o planeta perdeu mais da metade de seus animais selvagens. E, pelo nosso apetite voraz por combustíveis fósseis, assistimos a mudanças climáticas que vem causando danos irreparáveis e ameaçando em muito o futuro da Terra.

O livro que poderão ver on-line AQUI , contém imagens poderosas, mostrando as tragédias ecológicas e sociais que vem destruindo nosso mundo regido pela ganância e consumismo.
Através do passeio por essas imagens que mexem com o centro emocional de cada um de nós, o fotógrafo pode fazer com que alguém que nunca tenha pensado sobre estas questões, reflita sobre como fomos antes e como estamos agora, e como 7,3 bilhões de pessoas neste planeta tentam sobreviver, viver e o que elas fazem, alterando profundamente a biosfera e as nossa próprias vidas..

Tom Butler, o editor desse livro disse: "Os caminhos que o mundo vem se transformando, não advém da maldade humana, pois eu não acho que as pessoas acordam de manhã, se elas estão no negócio agrícola ou no setor de energia e dizem: "Bem, o que posso fazer hoje para matar o planeta?"
As pessoas acordam todos os dias e são incorporadas em um sistema social, econômico e político, e tudo parece ser normalidade para todos, mas a reflexão sobre as imagens podem ajudar a forçar politicamente o mundo, assim como a incentivar os jovens à Educação e ao Planejamento Familiar, ajudando a limitar o crescimento da população em algumas áreas, consumir com consciência e pensar mais num futuro melhor para a humanidade." (via Salon)

A reflexão sobre as imagens é justamente para isso, despertar atenção sobre o superpopulismo e consumo exacerbado e sem consciência.

E agora, diga aí se não há realmente um problema crescente em nosso mundo e se não devemos falar, interagir, levantar questões sobre esta trajetória da população humana!?

Abaixo, algumas imagens deste livro para ilustrar e aumentar nossa reflexão:

Container City em Singapura, um dos portos mais
movimentados do mundo e onde esta ferramenta é
indispensável para a economia de consumo globalizada.

Multidão irritada, acotovelam-se para distribuição de
alimentos no Haiti após terremoto de 2010.

 Caçadores de pechinchas no Black Friday que 
transforma os seres humanos em agressivos animais para o consumo.

Uma imagem tóxica em vista aérea da região de areias betuminosas
onde as operações e bacias de rejeitos são tão vastas que podem
ser vistas do espaço exterior (Canadá, Alberta)

Uma cachoeira de gelo nas regiões Ártica e Antártica, onde
o gelo está recuando. A calota de gelo derretendo-se rapidamente.
(Noruega)

Numa das mais antigas cidades da Síria, milhares de antenas
cobrem os telhados e ligam os habitantes para uma cultura de consumo globalizado.

Shangai, China, uma megacidade que se alastra com mais 
de 24 milhões de pessoas.

A mina Mir na Rússia, maior mina de diamantes do mundo.

Enormes quantidades de resíduos de lixo eletrônico são, normalmente,
enviados para países em desenvolvimento para triagem e/ou eliminação.

As redes de transportes mais globalizadas, especialmente de aviação comercial, 
são um dos principais contribuintes da poluição de ar e as emissões de gases
de efeito estufa. Rastros no céu de Londres, Inglaterra.

Incêndios mais intensos e cada vez mais frequentes, como este
em Colorado,USA consequências do aquecimento
do planeta.













16 comentários:

Bia Jubiart disse...

Oi Beth!

Realmente, temos mais para lamentar que celebrar. Lembrei do título de um filme, acho que é "Quo Vadis?", estamos sem direção, a deriva... Já até ouvi especialista comentando, que as pequenas ações sustentáveis não vai mudar a questão climática, e que temos que nos adaptar para evitar algo pior. A terra já deu exemplo que sempre se regenera, o ser humano não...
Ter consciência e sensibilidade do que está ocorrendo é essencial, as imagens são impactantes!
Beth tenha um fim de semana especial... Bjoooooooo.

✿ chica disse...

Beth, um post que traz em palavras e fotos um grande alerta... Impressionante as fotos. E pensar que está assim e cada vez mais estará! Valeu! Vou ver o livro com calma! beijos, tudo de bom,chica

Cristina Pavani disse...

Olá, Alfazema!
Preocupante, considerando que a população apenas decairá entre 2050 e 2100, segundo a ONO.
A menos que haja uma mega catástrofe para agilizar a decaída, ainda haverá muita devastação até lá.
Em minha infância rural, não gerávamos lixo, éramos quase auto suficientes (por necessidade). Me lembro que quando tínhamos uma embalagem plástica (saquinho), reutilizávamos até rasgar.
Pelo menos o Brasil não é superpopuloso e já está com natalidade abaixo da taxa de reposição. Significa que em meados de 2040 iniciaremos o tal "crescimento negativo" - o que gera outros problemas pelo excesso de idosos.
Aqui no interior já temos cidadezinhas com decréscimo populacional: o nível de emprego cai, os jovens se evadem, bebês não nascem e a população de idosos se sobressai. O sistema de saúde é sobrecarregado, a arrecadação de impostos diminui e os prefeitos coçam a cabeça...

Beijos reflexivos

Bia Hain disse...

Olá, Beth, como vai? Havia perdido o link do seu blog, agora estou de volta! :)
Impressionante as imagens, assustadoras! A questão é que a mudança precisa começar individualmente, como está no texto, cada um todo dia ter a consciência do que pode fazer para ajudar a situação global.
Esses dias tentei instalar um aplicativo no meu celular - que era antes da minha filha - e deu uma mensagem de que meu sistema está ultrapassado. Ora, com tanta tecnologia, é claro que os fabricantes tem condições de atualizar o sistema, mas não o fazem para estimular o consumismo e forçar o consumidor a realizar uma nova compra. Considero isso lamentável.
Bem como as políticas que não estimulam captação de água e energia para consumo sustentável. Um abraço!

Célia Rangel disse...

Um alerta precioso se quisermos qualidade de vida para todos! É uma responsabilidade de mão dupla.
Obrigada pela indicação do livro.
Abraço.

Ana disse...

Impressionante!!
Fotos impactantes.

- Não pude deixar de pensar como nos sentimos únicos... Na verdade somos apenas mais um.

Beatriz disse...

Oi Beth querida!!!
Acho que estamos ocupando muito espaço por aqui, não é!? Mas não acredito que ocupar outros planetas seja solução de nossos problemas... Vamos acabar poluindo e entupindo de gente lá também. O homem é um ser complicado, difícil de aprender o essencial, só aprende o que lhe interessa! O jeito é tentarmos conviver em harmonia por aqui mesmo e plantar muito. Vamos semear árvores, carinho, amor, frutos, solidariedade, flores, e muita seriedade. Afinal, viver em paz é coisa séria!

Beijinhos minha amiga e muitos dias felizes!!!

Bia <°)))<

A Menina das Ideias disse...

A catástrofe global é uma coisa que me preocupa muito. No entanto, acho que a natureza vai reagir e nós é que vamos acabar morrendo mesmo.

Dá um pulo no meu blog? Fiz um post sobre uma coletãnea que lancei no wattpad. Um beijo e feliz dia da mulher!

Carmem Grinheiro disse...

Olá Beth,
O mundo na mão duma industrialização incumpridora das poucas leis que o protegem, regida por um capitalismo insano.

bj amg

Calu B. disse...

Mais que alarmantes, são estarrecedoras estas imagens reais da degradação do planeta e de nossa consequente existência ou seria inconsequente; creio estar mais pra segunda afirmação, infelizmente.
AS nações e os cidadãos acreditaram-se impunes frente ao consumo desenfreado e agora já vemos por toda parte que isto era uma fantasia perigosa e real.

Ultra importante alardear-se estes sinais de alerta e socorro que o planeta(a vida) está emitindo insistentemente.Há que se ouça, agora!!!

Bjkas e aplausos pela postagem.
Calu

Luma Rosa disse...

Oi, Beth!
É gente demais! Diante disso e pelo fato da terra existir a muito mais tempo que nós, devemos parar de pensar em "Salvar o planeta" e pensar em "Salvar os habitantes do planeta". Pois pelo andar da humanidade, não será o planeta que terá fim e sim a raça humana. O homem é um animal candidato à extinção.
Beijus,

Wanderley Elian Lima disse...

As imagens são de dar medo, mas infelizmente é a mais pura verdade.
Bjux

Maria Célia disse...

Oi Beth
Realmente é uma situação assustadora, mas como disse a Bia-"o jeito é tentarmos viver em harmonia", semeando não só o verde, mas também amor, compreensão e respeito.
Excelente texto, gostei demais.
Um beijo.

Misturação - Ana Karla disse...

Nossa Beth, tudo isso é assustador.
Por mais que eu tente racionalmente fazer algo por aqui, é quase nada.
Maravilha de post, um alerta
Xeros

Maria Luiza disse...

Beth, sou tão revoltada com a situação que não consegui ler! Amo tanto esse nosso Planeta e a que ponto o Homem deixou acontecer. Deus nos salve! Um super abraço!

Crista disse...

Oláááááááááááá...
APOSTO que tu estavas morrendo de saudades de mim!!!!
Faço de propósito,demorar a aparecer,porque quando apareço noto a expressão de............ ESPANTO........... e,claro,tenho a certeza absoluta de que estás imensamente feliz ao me ver...hehehehehe...
E não adianta dizer que nem te lembravas mais de mim ou que nem sabes quem sou.
Não aceito isso...pois eu marco eternamente quem me conheceu...ksksksksksksks...
Como sou modesta,estou amando o que estou escrevendo...tanto...que vou colar para os outros blogueiros que vou visitar o que escrevi para ti,que tal????
Sei também que quanto mais os visitantes demoram no blog da gente,mais famosos a gente fica...TOMARA que todos leiam até o fim minha pequena-longa cartinha de visita!!!!!
Sobre a tua postagem:
Aterrorizante....
E pensar que nada é feito.
É hora de mudanças drásticas,mas parece que os governantes e o povo não acordam.
Tenho pena das próximas gerações!
Agora,aceita um beijão "deu"(de mim)pra tu :)
EU VOU...mas EU VOLTO... para tua felicidade...ksksksksksksks..
Se eu não me "achar"...quem me acha?????