.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Antecipando o Natal





Escondido no coração mortal, o Eterno vive;

Ele vive em segredo na câmara da alma,
Uma luz brilha lá, onde nem a dor nem o sofrimento podem entrar.


Sri Aurobindo-filósofo hindu
A cada ano que passa percebo que eu e muitas outras pessoas querem reinventar o natal, e isto tem sido um grande desafio para quem deseja um tempo mais autêntico, menos frenético, onde reine o verdadeiro espírito do natal, mesmo diante de todo o consumismo universal.  E para que esse espírito prevaleça é preciso que agradeçamos as bençãos recebidas em nossas vidas e juntemos afetos para plasmar um mundo melhor. Portanto, podemos começar a contar desde já no calendário que antecede esta data tão festejada. 



12 comentários:

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

que bacana, Mãe Gaia! a Fabiana apresenta umas coisas sempre muito legais no blog dela.

é verdade, não é natal se a finalidade for de comprar, comprar, correr, comer, competir, arrumar confusões diversas. o verdadeiro espírito do natal é confraternização e serenidade.

bom dia!

ELAINE disse...

Natal é paz e confraternização! Lindo post e imagens também! Fim de semana abençoado! Aparece! Bjo!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/

✿ chica disse...

Isso mesmo, a cada ano temos que deixar o Natal com nossa cara e jeito e fazer dele mais família e aconchego.Proporcionar magia!!!beijos,tudo de bom,chica

Regina Rozenbaum disse...

Minina do céu, adorei o calendário e o espaço que vc partilhou...não conhecia. Beth, recebi seu imeio e tôdentro! Vou inspirar... pra expirar algo bem bacana.
Beijuuss n.a.

Wilqui Dias disse...

eu and mais atrasada que salario de patrao ruim na minha leituras ´´blogais´´
mas...enfim cheguei..vou ler o que perdi gosto de ler tudo rsss, mas desde já FELIZ NATAL Beth, com muito amor, e muita saúde, os ingrediente esseciais da nossa existecia aqui na terra, amor e saude....
bjs

Palavras Vagabundas disse...

Beth, adoro o espirito de Natal, em minha família é um momento muito especial, pois é a época do ano que estamos todos juntos. Adoro Adventos, já tive alguns e agora comprei um com velas na Alemanha, agradecer pelo ano que tivemos e pedir que o próximo seja cheio de saúde e paz isso faz parte do espirito dessa época.
bjs
Jussara

Lúcia Soares disse...

Natal me lembra a paz, a alegria do (re)nascer das esperanças. Também não comungo do frenesi das compras, prefiro mais o carinho, o aconchego de um abraço, de uma lembranças.
Tempo de refletir, acreditar, esperar.
Beijo e Feliz Natal, para você e os seus.

Calu disse...

Grande idéia, Betinha.
A cada dia reinventado, vamos acrescentando o fermento dos valores verdadeiros, dos sentimentos profundos, dos momentos inesquecíveis, das alegrias partilhadas, unindo numa massa tenra o pão da natividade que degustaremos neste e nos próximos Natais.
Viva a Vida renovada em 365 Natais!
Adorei o calendário.
Bjkas,
Calu

pensandoemfamilia disse...

Eu gosto do espírito natalino, das luzes, orações, reuniões de amigos e familiares, Fica bem mais fraternaa a vida.
bjs

Maria Célia disse...

Oi Beth, tudo bem?
Linda imagem, muito criativa.
Cansei de natal consumista, estressante, obrigação de presentear todo mundo.
Este ano estou numa calmaria, esperando pra passarmos em família, tudo calminho, em paz, assim espero.
Bjo e boa noite.

Luciana disse...

Também sou adepta das simplificacões e reinvencões. Nessa época do ano é uma loucura, lojas cheias, um trânsito danado, estacionamentos lotados, por aqui e em muitas partes do mundo, umas piores que outras, claro. Ano passado dei a ideia pra minha sogra de trocarmos presentes mais simples, como vinhos e chocolates, ela achou ótimo, eu já estava pensando como seria esse ano, mas a ideia permaneceu, ela ainda disse que a intencão é que a gente se reuna, se divirta, coma bem e não presentes, os presentes só mesmo para constar, então compramos tudo muito rapidinho, sem estresse, bem antes do Natal.

Beijo

Menina no Sotão disse...

Eu não penso em reinventar o natal. Mas entendo quem tenta fazê-lo. ONtem, estivemos no parque, uma reunião de trinta pessoas (eu não esperava tantas) nos sentamos lá. Lemos poesia. Cantamos músicas. Celebramos os quatro quadrantes (norte, sul, leste e oeste) celebramos o fogo, a terra, a água e o ar. Lembramos que a terra é nossa mãe e que o universo é o nosso pai. Agradecemos as boas coisas, as más também porque as duas precisam existir para que a gente as compreenda. Caminhamos por entre as árvores. Trocamos cartões feitos por nós mesmos, abraços, sorrisos e depois de duas horas, estavámos bem, contando nossas histórias. Lembrando pessoas queridas que aqui não estão mais, mas que contribuiram e muito para tudo que somos e se somos é graças a cada pessoa que passou por nós e nos despedimos depois de abraçar árvores. Foi mágico. Lindo. Esse é o nosso "natal". Calmo, lúcido e celebrando mais uma estação do ano que trouxe chuva para nós. Uma chuva linda. Deliciosa. Foi como se a natureza nos dissesse "amém". rs

bacio