.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Viva e deixe Viver


Temos menos de 24 horas para impedir esta barbárie contra mais uma mulher iraniana acusada de adultério, que morra enforcada em pleno século XXI.  Minha amiga Lolipop alertou e estou junto com ela e mais outros blogueiros neste movimento pela rede para, quem sabe, salvarmos uma vida.  Junte-se a nós!



15 comentários:

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

tb coloquei o post no blog...
vou ser sincero, não tenho esperanças... por mais pressão que se faça, os governantes do Irã nem ligarão, darão risada. Mas TEMOS que tentar, não é? não podemos desistir nunca!

que coisa triste...

disse...

Beth, sabemos o quanto é difícil, são tantas questões. Mas é uma ação necessária. É vida! Enquanto pudermos defendê-la, válido será. Bjos enormes!

Isadora disse...

Essa história é muito triste e pensar que evoluimos tanto para vermos atitudes assim ainda permanecerem. Assim como o Alê não sei o quanto conseguiremos alguma coisa, pois o governo se manteve firme em sua posição. Uma pena.
Tentei encontrar seu e-mail e não consegui. Queria justamente falar sobre a comemoração no blog.
Se você puder me mande um texto seu que goste por e-mail para que eu possa publicar na comemoração (isadoranardy@gmail.com). Eu ficarei muito feliz.
Um beijo

Teresinha Ferreira disse...

Olá Beth,
Concordo com o Alexandre. Podemos até nos manifestar, mas...Em vão!!!!! É muito triste!!!
Bjs mil
Tenha uma ótima semana.

pensandoemfamilia disse...

Oi Beth
Aderi ao propesto, mas concordo com o Alex, não tenho esperanças, infelizmente.
bjs

Bordados e Retalhos disse...

Beth soube que o assasinado dela, por hoje, foi cancelado. Não sei se é verdade. Mas o que me indigna é que nada podemos fazer ou pouco podemos fazer. Fico pensando também nas mulheres que por aqui são assassinadas todos os dias, por companheiros que se sentem donos de suas vidas. Bjs

Ana Paula Soldi disse...

Oi Beth, muito triste tudo isso,

Um beijo enorme

Ana

Vivi disse...

É Bethinha
o pouco de muitos engrossa o caldo né!!!
bjs paulistas

ML disse...

Ia colocar no blog - jurava que hoje fosse dia 2...

Cucchiaio pieno disse...

Aqui na Itália, também estão todos lutando contra essa brutalidade.
Um abraço
Léia

Nina disse...

Incrível pensar que existe isso no nosso mundo, tao atualizado, moderno, nao é Beth? Horrível.

As flores pra teu pai e sogro na xícara ficaram tao bonitas... embelezaram entao um dia tristinho né?! Nao tem como nao pensar neles que foram tao queridos pra nós, Beth...

Um abraco querida, vou ver o link que vc colocou aqui, mas tbm acho que é meio difícil mudar o pensamento retrógrado desse povo doido...

lolipop disse...

Beth, amiga,
Sabia que podia contar com sua voz!
Eu agradeço, ela tenho a certeza de que também...
Foi por ela que escrevi o texto. Por que acredito que mesmo sem esperança, ela há-de sentir os ecos destas vozes que não a esqueceram, o calor da solidariedade...
Oxalá!!!
BEIJOS
Obrigada por linkar meu texto!

lynce disse...

Olá simpática. Sempre conseguiste copiar a coisa? Se precisares de ajuda é só dizeres.
Beijinhos
:)))

Rosamaria disse...

Beth, e sempre assino essas petições que a Alice Jay envia. Hoje foi esta.
Acho que o Alexandre tem razão, mas temos que tentar.
Bjim.

lynce disse...

Já escrevi um comentário num blogue que nós dois frequentamos e repito, este sociedade em geral e o mundo islamista em particular, definitivamente não sabem tratar bem a coisa que de mais bela o mundo tem, as mulheres.

Adenda:
Na minha ausência, saudades tuas, muitas.

Beijinhos, oh simpática
:)))