.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Use 3 e seja querido(a)!




Apenas três expressões são necessárias para ser uma pessoa educada, assim como portas e corações lhe serem abertos sempre:

- Por favor - Com licença - Muito obrigada(o)

Mas, tá difícil de se ouvir isso por aí!


13 comentários:

Heloísa disse...

Beth,
É verdade. Essas são as palavras mágicas, que abrem caminhos e tornam a vida mais leve.
Já falei sobre elas no meu blog, quando contei que a netinha já as usava adequadamente.
Beijos.

Luciana Håland disse...

Beth, são muito importantes mesmo, pena que nem todo mundo usa. Você acredita que tem brasileiros que reclamam aqui porque os noruegueses dizem muito a palavra obrigado (takk), e dizem que é uma das diferencas culturais, que não sabem pra que tanto obrigado. Como diferenca cultural? A gente aprende ou deveríamos aprender que dizer essas três expressões, e claro, o obrigado está incluído, assim que comecamos a falar, no mundo todo, e não é diferenca cultural, aprendi isso logo cedo, é diferenca de gente educada ou mal educada mesmo.

Bom, os gatinhos da foto são fofos demais.

Beijo

Barbie Girl disse...

Ótimo para começar o fim de semana!!

Um grande beijo!

Sonia H. disse...

Que foto lindinha!
Concordo: está muito difícil ouvir essas três palavras mágicas hoje em dia.
Bom fim-de-semana,
Beijos,

Somnia Carvalho disse...

Super,

andei sumilllda... e vou começar a leitura atrasada do mae gaia por esse...

entao, ja falei que aqui eles so falam com licenca e obrigado ne?

a palavra por favor e uma que nao existe exatamente... normalmente os suecos chegam sempre com sorriso ou te recebem com sorriso dizendo hej! ou seja oi... e esse oi tambem significa um quase por favor.... tem algumas expressoes mas elas nao sao assim como a nossa...

entao acho que as palavras sao bem importantes mas o jeito com que as falamos e ainda mais ce nao acha?

eu adoro dizer obrigada, obrigado... e sorrir pra pessoa... mas as vezes digo com licenca com a maior cara de saco porque to cansada, alguem ta me travando a frente e to irritada ou alguem me faz isso e nao adianta muito...

ojojoj beijinho

ML disse...

É verdade, tem gente que até pede um favor no imperativo.

Que fofas as 3 belezinhas lá em cima!

bjnhs e um bom final de semana, Beth!

Liza Souza disse...

Uma pena, né? Mas, sabe o que mais me alegra. Miguel nao fala praticamente nada, mas uma das primeiras palavras que ele disse foi obrigado (dada) sempre que a gente dava alguma coisa. E olha que ele entende o obrigado nas duas linguas. Pelo menos na minha casa essas palavrinhas fazem parte do nosso cotidiano nos fazendo muito mais felizes.
Beijos

Dani dutch disse...

OI Beth,
Concordo e falta um quezinho de delicadeza entre os seres humanos, respeito é fundamental para com qualquer um, independente de credo, conta bancária e raça,..
bjusss

Flávia Fayet disse...

Seria tão melhor um mundo em q todos usassem essas frases mais seguidamente e deixassem de lado um pouco a ignorância q anda tomando conta... Em geral, a palavra mais importante é EU! Só que o "EU" não vive sem o "nós"!...

Beijos

Cristiane A. Fetter disse...

Até que aqui o povo é bem educado. Com licença é usado até quando você passa por alguém no corredor do supermercado e por um momento vai estar entre a esta pessoa e a prateleira.
bjks

Beth/Lilás disse...

Cris!!!!
Menina foi bingo isto que falou, pois foi justamente por isso que fiquei indgnada esses dias quando estava num shopping na zona sul com uma amiga. Uma mocinha, parecendo uma universitária, boa aparência, passou entre nós com um bolsão, quase batendo com ela na cara da minha amiga e não falou nada.
Fico indignada com essas coisas!
Por aqui não existem estas tres palavrinhas mais, uma pena!
bjs

Lucia Cintra disse...

Engracado como depende da cultura. Aqui eu escuto isso direto, ainda bem, pois tenho pavor de gente mal educada. Porem voce ainda encontra umas gentinhas assim por aqui. Infelizmente vao existir em tudo quanto eh lugar do mundo!

Essas palavras tem um poder grande que ajudam a melhorar o dia de uma pessoa se sao ditas com sinceridade. E isso se carrega e se alastra, pois essa pessoa recebendo a gentileza, vai em torno, ser gentil ela mesma. Parece contagiante! bjos

Laura disse...

Olha que eu acho o povo aqui muito educado se comparado ao lugar onde vivia no Brasil, mas mesmo assim o marido conta que a coisa ta indo de mal a pior cada dia q passa.

Beijosss