.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

segunda-feira, 27 de julho de 2009

A vida é bela, mas não é mole não!


Nada a ver, mãe! Sem essa, de que essa gripe é assim tão contagiosa! A Globo quer fazer, como sempre, estardalhaço e não é bem assim! O quê, perigo?! Nada! Tranquilo, mãe! Fica fria! O Rio não é bem assim como você, acha. Você só vê perigo em tudo e agora não posso nem ir a uma balada porque tem aglomerado de gente e você acha que vou contrair o vírus. Que saco! Já lavei as mãos quando cheguei, claro! Casaco?! Prá quê, não tá frio!


Como se não bastassem os perigos em sair à noite causados pela insegurança, agora me respondam; que pais não estão de cabelo em pé com filhos em férias, querendo sair para as "nights", encontrar amigos, namorar ou se distrair na cidade, num momento tão delicado como este, onde o noticiário fala noite e dia sobre o avanço do vírus da gripe A (H1N1)?!
A gente fala, dá conselhos, alerta, consome-se, mas fazer o quê com jovens (24 anos) que acham que sabem tudo, que nada vai lhes acontecer e que é só abrir suas capas de super-heróis e sairem por aí, felizes da vida com seus amigos que pensam igualmente que a vida é bela!


Espero que realmente exista alguém lá em cima para os proteger e que diminuam os casos da gripe, do frio e que possam voltar às aulas rapidinho!



17 comentários:

Renata disse...

eh verdade...
aqui no meu estado, jah morreram duas pessoas ateh agora.... mas parece que os EUA teem mais de um milhao de infectados...
:(
beijinhos.

Luciana Håland disse...

Oi Beth, eu estava aqui pensando exatamente se posto ou não sobre a gripe suína, pois agora comecei a me preocupar mais,devido a proximidade dela e a não existência da vacina ou previsão de controle.
Tem uma previsão de surto por aqui em 3 semanas, acho que no mundo, e eu já disse a marido, não vou a shoppings nem lugares com muita gente, inclui bares, restaurantes, festas, etc, melhor evitar.
Beijo

Lu Souza disse...

Bem coisa de filhos, Beth! Eu tive uma conversa muito parecida com minha mãe na ultima semana. Mas no caso eu queria ir ao Centro de Compras aqui perto que é um aglomerado só. Oras, já pego ônibus lotado todo dia, quer coisa pior para espalhar vírus?!

Lucia Cintra disse...

Olha, pra dizer a verdade, esse escandalo todo sobre essa gripe, foi mais exagero da midia do que qualquer outra coisa.

Passou essa "febre" e agora nem ouco mais falar, entao esses jovens que querem sair e se divertir estao certos. Nao ha nada com o que se preocupar. rs

bjos

Lúcia Soares disse...

Ai, Beth, eu já passei por esta fase de dar conselhos e ser contestada e agora eles andam por suas contas e riscos. Não que não fale mais, mas nem os vejo a toda hora, por isso não posso ficar falando. É muito dofícil criar filhos, a gente nunca sossega.Rsrsrsr Mas, ao mesmo tempo, é bom demais!
E a gripe está no Brasil, sim, e é preciso nos preocuparmos. Pelo menos fazer a nossa parte, porque não se pode deixar de viver. Eu com todos os meus "entas" fico de olho em qualquer sinal, mas, graças a Deus, Ele está nos protegendo, sem dúvidas. Bj

Bia Mendonça disse...

Em nossa defesa (os de 24 anos ou quase 24 como eu!)... a gente ainda tem muito oq aprender! E infelizmente às vezes tem que ser pelo caminho mais difícil! Oq vc pode tentar fazer é tentar mostrar masi claramente o pq da sua preocupação. A gente sempre acha q vcs (pais) se preocupam demais!

bjs

Heloísa disse...

Beth,
A despreocupação é própria dos jovens. Quando eles ficam mais maduros, não acreditam que se expunham a tantos riscos. Daí passam a entender os pais.
Beijos.

Beth/Lilás disse...

Renatinha e Luciana,
A verdade é que a nossa mídia é ferrenha quando começam a explorar um assunto, precisando sempre de um novo 'furo' ou escândalo para direcionarem o foco para outra coisa.
Hoje mesmo, meu marido teve aula de inglês com uma professora que chegou ontem da Califórnia e ela disse que por lá ninguém fala sobre isso e que está assustada com o que o noticiário brasileiro vem colocando a toda hora.
Conclusão: não sei o que pensar a respeito de tudo isso.
Claro, tô me prevenindo, evitando lugares cheios e confusões.
beijos
--------------------------------------------------------

Lu,
Acho que toda mãe que ama verdadeiramente seus filhos, neste momento, tem sempre este diálogo.
Mas, se cuida aí, menina!
beijos
--------------------------------------------------

Lucinha,
É bem como eu disse para as meninas lá em cima, muito estardalhaço e deixa o povo completamente atônito. Aqui no Brasil isso é um verdadeiro inferno o que fazem com a cabeça das pessoas.
Tô me desligando totalmente dos noticiários agora.
beijos
-------------------------------------------------

Lucia,
Filhos são todos iguais em qualquer casa e mãe, pelo jeito, também.
Faça como eu, desligue-se dos noticiários para viver melhor.
beijos
--------------------------------------------

Bia,
Mas não é pra menos, vocês são nossos maiores tesouros.
beijocas
--------------------------------------------

Helô,
Não vejo a hora dessa maturidade chegar, pois o meu aparenta estar muito equidistante disso, apesar de que para algumas coisas é bem maduro já.
É isso aí, aguardemos!
beijos
-----------------------------------------------------

Mila Viegas disse...

Deixa eu contar um episódio que me aconteceu ontem:
Fui à farmácia com minha mãe à noite. Eu estava com marido, filho e sobrinho. Dentro da farmácia havia um cara com uma máscara no rosto (detalhe: com o nariz descoberto) dizendo que estava com suspeita de gripe suína.
Automaticamente saí da farmácia com as crianças e fui para a outra calçada, enquanto minha mãe pagava a conta.
Quer dizer, o que adianta o cara com máscara e o nariz descoberto? Só colocou a máscara direito quando entrou em seu carro e sua família (esposa e filhos) estava dentro.
Quer dizer, os outros que se lasquem né?

Em relação à mídia, concordo que boa parte do que é veiculado é puro estardalhaço mesmo. Parece que quanto mais desgraça há, melhor para eles, melhor para o IBOPE. Tenho raiva de assistir televisão por conta disso. Eles querem manipular e fazer com que sejamos escravos daquelas informações. Causam um panico geral sem necessidade.

A gripe suína (embora tenha suas peculiaridades) é bem parecida com a gripe comum. E, pelo visto, está na "moda" falar sobre isso e vender este tipo de informação. Bem da verdade, há muito mais mortes por tuberculose do que pela nova gripe. Assim, como outras doenças em nosso país que matam muito mais.

Estamos no meio do ano e até agora não vi ninguém falar a respeito da dengue, doença perigosíssima e que pode ser controlada através da consciência e educação do povo. Cadê? Em breve o inverno acaba, a primavera chega e vem o verão, e nada estamos fazendo em relação à dengue, pois os holofotes estão todos voltados para a gripe suína.

Informar é importante, porém, não precisamos de sensacionalismo e sim de informações relevantes. Coisa que a mídia não fornece.

Assim, eu prefiro cuidar da minha imunidade para evitar o contágio de quaisquer tipos de doenças e procuro não ficar neurótica em relação ao que ouço. Senão a gente vira refém. Se tranca em casa com medo de tudo e não faz mais nada.

Beijocas

Beth/Lilás disse...

Mila,
Você está plena de razão, pois a mídia nem toca sobre esses outros problemas que você colocou, puro sensacionalismo mesmo!
E quanto ao cara gripado, sujeito safado esse, só cuidou da própria família então.
beijocas

----------------------------------------------------------------

Sonia H. disse...

Beth,
Nem me fale... estou assustada com tudo isso. E com muito medo também.
Somente Deus para nos proteger.
Beijos,

Ivana disse...

Ô Beth, imagino sua agonia. Eu não sou mãe ainda, mas, minha mãe sempre me diz:"qdo vc for mãe vai me entender". Acho que é um pouco disso (dessa preocupação que nós, filhos, achamos que é exagerada) que ela quer me dizer...
Eu também preciso acreditar, como filha, que tem uma energia muito poderosa a olhar por nós: filhos e pais.
Beijos!

ML disse...

Beth: este é exatamente o caso da minha irmã, que tem 3 filhos "adultos".
Quando eles saem pra night (tardão, claro, e sempre que possível) ela fica de cabelo em pé. Repetindo o que a gente ouvia quando morava com nossa "mum": "hoje em dia, o mundo está um perigo".
A saída é relaxar.
E rezar.
Mãe é tudo de bom!
Que o Cristo abençoe a todos. Amém.

bjnhs

aminhapele disse...

Infelizmente,esta "gripe" não é como as outras.
Basta ler o que se passa na Europa e,dia a dia,o número de pessoas infectadas é maior(não contando os mortos,oficiais).
Os países tendem a esconde-la porque,na maioria,têm uma visão economicista da saúde e não fizeram atempadamente(o risco de pandemia é conhecido há muitos meses) a sua reserva de vacinas e de cuidados preventivos.
Mas,atenção:esta gripe pode ter efeitos,muito semelhantes,da "peste" medieval.
Boa saúde a todas/os.

Renata Lopes Costa disse...

Saudades de vir aqui! Ando meio sem tempo, passei rapidinho e li muito rapidamente. Vi que tem bastante coisa boa de ler, eu volto com mais tempo.

Beijo cheio de saudades!

Ciça Donner disse...

Maninha até tem... mas nao custa a gente dar uma ajudinha né? VACINA!!!!!!

Georgia disse...

Oi querida, pois é, a gripe tb chegou por aqui e o povo ainda nao está com medo, mas acho que vai chegar, pois a Inglaterra já tem mais de 100 mil casos.

Um beijao