.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

segunda-feira, 11 de maio de 2009

As aparências enganam

Que coisa mais estranha viver num país onde as pessoas com mais de 40 anos já são consideradas velhas! Justamente quando o ser humano tem muito a dizer sobre tudo o que já viu e aprendeu, o país não mostra interesse nessas pessoas. Ora bolas, a população no mundo está ficando cada vez mais velha e, segundo a OMS até 2025 teremos mais velhos do que crianças neste planeta!
Talvez, por que aqui na América Latina tenhamos uma situação bem mais favorável do que na Europa por exemplo, haja este descaso com o ser humano acima dos 'enta'. Parece que não estamos muito preparados para o fato de que daqui há bem pouco tempo, 20 anos apenas, o país será o sexto no mundo com o maior número de pessoas idosas. E isso serve de alerta para que o governo e a sociedade se preparem para essa nova realidade não tão distante.


Digo isso, porque constatei ainda há pouco, enquanto fazia ginástica, que o tal programa Ídolos brasileiro, levado pela tv Record e que é baseado na ver
são do formato britânico Idols, que consiste em revelar o novo ídolo musical do Brasil, simplesmente, ao contrário do britânico que revelou ainda há poucos dias a maravilhosa cantora Susan Boyle de 47 anos e que nos deu uma valorosa lição contra o preconceito, mostrando que, 'as aparências enganam'-, mas a versão do Ídolos da tv brasileira tem uma chamada que, se não é preconceituosa é no mímino burra, pois no site aqui e na própria televisão diz "Garanto que tenho entre 18 e 26 anos. Sendo que a condição estrita para quem tem 18 anos é: ter completado 18 anos até 02 de Abril de 2009. E a condição estrita para quem tem 26 anos é: ter 26 anos até 31/12/09"
Na verdade, a chamada da tv mostra Susan Boyle no vídeo que é o quinto mais visto do you tube, assim usam a imagem de uma mulher acima dos 'enta' para um programa que tem o mesmo formato que o original inglês, mas que só aceitam entre a faixa de 18 e 26 anos. Contraditório!


Quer dizer então, que quem tiver um talento maravilhoso, escondido ou apenas esperando sua vez como a Susan, não pode, tá impedido, é impossível participar deste programa no Brasil! Pelo visto na Inglaterra não o é! Será que é assim em mais lugares, ou somente aqui nesta republiqueta?!


Enquanto isso, não desanimem se estão passando por "tiozão ou tiazona", escutem a música e as palavras na música de Susan Boyle e não deixemos que a ignorância e o preconceito derrubem nossos sonhos:

"Mas os tigres vêm a noite com sua voz suave
como um trovão,
Com eles despedaçam sua esperança
tansformando seus sonhos em vergonha"

(Susan Boyle e vídeo aqui, não deixem de ver)


"Da mesma forma que gosto de sentir um toque de maturidade num jovem, gosto do idoso que conserva algo do aroma da juventude. Aquele que se esforça por misturar assim a juventude e a maturidade pode tornar-se velho pelo corpo, mas seu espírito permanecerá jovem.” (Cícero)

14 comentários:

Luciana Håland disse...

Beth, por coincidência estava pensando exatamente sobre isso, mas não vou escrever um post aqui nos seus comentários.
Ontem vendo os vídeos do concurso de miss, um comentário me chamou atencão pois se referia ao fato da vencedora está fora da idade, pasmem, ela só tem 25 anos, então já considerada velha no Brasil.
Acredito que isso acontece mais aí na república da bunda mesmo, aqui não é assim, não sei os parâmetros para um concurso como este, mas aqui as pessoas são valorizadas pela idade e principalmente a mulher, que no Brasil passando dos 30 já é considerada velha, tia, encostada. Mas infelizmente aqui chega a mentalidade do brasileiro e comeca com comentários que tal pessoa de 50 em um cargo tá velha, que devia sair pra dar lugar a um jovem cheio de ideias, que infelizmente a experiência aqui é mais valorizada do que a inovacão, e desde quando só os jovens inovam?!!!
Bom, fico por aqui, mas assino embaixo sua indignacão com tal coisa.

Beijo

Lucia Cintra disse...

O idol daqui tb tem um limite de idade - 30 anos! Eh pq sao mais marketable, sabe?

Nao concordo, mas infelizmente as pessoas sao obcecadas com juventude, sera que isso um dia vai mudar?

Bjos

Isabella disse...

Oi Beth, esse é um dos motivos pelo qual fico aqui na América. Arrumar emprego no Brasil, depoid do 4o, é muito mais difícil do que aqui... Todo mundo quer um recém-formado pra lhe pagar pouco...

Tb acho um preconceito absurdo!

bjs

JAMES PIZARRO disse...

O pessoal nem se dá conta que, atualmente, no Brasil o ÚNICO segmento da população que se organizou foi a Terceira Idade...passagem gratuita em ônibus, em viagens interestaduais, caixa especial nos bancos,vagas como alunos especiais nas universidades, descontos em hoteís para viagens de turismo,remédios de uso crônico pela metade do preço,vacinação gratuita contra gripe,aulas especiais por preços e horários especiais nas academias de ginástica, etc...
E como aumentou a longevidade, os bancos e lojas comerciais estão abrindo crédito para idosos aposentados.
Claro que há muitopreconceito ! E tem muita coisa a conquistar. Mas comparem com o que ocirria há 20 anos ...a coisa mudou muito.
Eu sou um otimista incorrigível aos 67 anos e sem Viagra ainda...rssssssssssssss
Beijo

James Bond+

Beth/Lilás disse...

Caro James,
Lá isso é verdade, muito já se conseguiu nestes últimos anos, mas ainda falta muuuuuuuuuuuuuito a ser conquistado e não podemos aceitar tão pouco, senão o que será de nosso futuro?!
abraço

-------------------------------------------------------------------------

Heloísa disse...

Beth,
Acho que um dos caminhos para tentar mudar as coisas é o da exigência: sim, o "enta" devem fazer valer sua experiência e mostrar todo o seu valor. E, quando já estiverem nos "eeeennntaaa", fazer valer seus direitos, como o James relacionou.
Beijos,

Sonia H. disse...

Pois é, Beth,
O Brasil continua não valorizando sua população enta... Este é o país do silicone, da lipo, e botoxes da vida, onde as mulheres principalmente vivem neste culto insano às aparências.
Acho que não há solução. Infelizmente.
Este traço da nossa cultura é totalmente oco...
Beijos,

aminhapele disse...

Pois é,querida amiga.
A idade não perdoa...
A partir dos 50,eu próprio,comecei a ser pressionado para me reformar!
Hoje,minha filha mais velha,uma jovem com 43,também parece que ultrapassou o "prazo de validade"...

Fernanda disse...

Beth, eu e minha mae estavamos conversando sobre isso dias desses. Quando eu era adolescente e fazia faculdade, eu trabalhava como demosntradora, promotora de vendas, dessas que ficam em mercados, e farmacias, e eventos. A selecao era super rigorosa, e jamais alguma mulher nos "enta" era selecionada. Ja logo de cheguei aqui, reparei o tanto de senhoras de cabelinhos brancos trabalhando com demosntracoes nos mercados...e as cias aereas entao? Vc entra num TAM, eh soh menina novinha e linda, ja nas cias americanas tem um monte de senhoras grisalhas e acima do peso. Eh mto triste essa "visao" do Brasil...mas na verdade o programa Idolos tem o formato do American Idol, e tem um limite de idade sim que nao me lembro se eh 28 ou 30, o que eu tbm nao concordei. Beijinhos.

Georgia disse...

Pois é, vai entender? Há mesmo muito preconceito, nao é só burrice, ahahahahah!!!

Um beijao querida!!!

Isabela disse...

Beth, obrigada pelo seu comentário. Vou adicionar o seu blog nos meus feeds, pois ele me agradou. (adoro assuntos assim, polêmicos e de opinião!!)

Eu acho mesmo que o Brasil tem uma idéia errada da idade. Quarenta anos nem é mais a metade da vida, quando vive-se muitos mais do que 80, quando não 90, 100 anos!
O que falta, talvez é qualidade de vida para que as pessoas de fato se sintam jovens aos 40. Quem sabe mais lazer, ou mais tempo livre...

E viva a Susan Boyle, que deu lição de vida e moral para todos!

Wilma disse...

É ...desanimador.

NINO BELLIENY disse...

alguém já disse, (e não me lembro quem),que "envelhecer não é opção.É benção."

Abraços,ninobellieny.blogspot.com

ML disse...

Magnífico post, Beth!
Informação de utilidade pública.
Aqui na terrinha, os DPs (departamento de pessoal, ok?)acham que quem tem mais de 30 e alguma coisa vai entrar na empresa de bengala e ... babando!
Chamamos comissárias de bordo de "aeromoças"...
Discriminação típica de lugar subdesenvolvido.
Ao mesmo tempo, para gerir a coisa pública basta ser simpático, engraçado ou simplesmente "conhecido". Não precisa ter bagagem, não.
Que lugarzinho complicadinho!

bjnhs e parabéns!