.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

A Solidão - por Chico


Solidão não é a falta de gente para conversar, namorar, passear ... isto é carência.


Solidão não é o sentimento que experimentamos pela ausência de entes que não podem mais voltar ... isto é saudade.

Solidão não é o retiro voluntário que a gente se impõe, às vezes, para realinhar os pensamentos
... isto é equilíbrio.


Solidão não é o claustro involuntário que o destino nos impõe compulsoriamente para que revejamos a nossa vida ... isto é um princípio da natureza.

Solidão não é o vazio de gente ao nosso lado ... isto é circunstância.


Solidão e muito mais do que isto. Solidão é quando nos perdemos de nós mesmos e procuramos em vão pela nossa alma.

Francisco Buarque de Holanda


14 comentários:

Flávia Fayet disse...

Ah q lindo... Beijossss

todoyda disse...

Sua montagem ficou emocionante.
bjks
Cristiane

Lucia Cintra disse...

Profundo... e adorei as fotos dos animais. bjos

Ana Paula Soldi disse...

Que lindo texto, adorei.
Vamos nos dar forças com a dieta, conte comigo.
beijosss

Kenia Mello disse...

Há mais o que dizer sobre a solidão? :)

Tem uma música de Alceu Valença que fala assim:

A solidão é fera, a solidão devora.
É amiga das horas prima irmã do tempo,
E faz nossos relógios caminharem lentos,
Causando um descompasso no meu coração.

A solidão é fera, a solidão devora
É amiga das horas, prima irmã do tempo
E faz nossos relógios caminharem lentos,
Causando um descompasso no meu coração
Solidão...


Beijos.

Georgia disse...

Solidao, mata.

Desde que o nosso porquinho da india morreu, o outro vivia tristinho. Nao adiantava fazer festa com ele.

No domingo quando fui alimentá-lo, ele nao estava mais lá.

Fiquei indecisa de conversar sobre a morte dele com as criancas. Afinal só há um mês mais ou memnos o outro morreu e fora disso estamos todos doentes. Preferi dizer que na segunda-feira iria levá-lo ao médico.
No dia seguinte informei que ele estava morto e o Daniel disse: "Mamae, ele morreu de solidao. Sem o outro pra estar junto e mais todos nós doentes, sem tempo prá ele."

Entao: se morre de solidao.

Um beijinho.

*Ainda nao estou de volta. Mas vim agradecer o seu carinho.

Anônimo disse...

esse texto é tudo..chico, né?? vai enteder de gente asim...beijo!!!!

Lu OLHOSDEMAR

Menina_marota disse...

Solidão... é algo que conheço bem...

Gosto do título do seu Blogue. Bela escolha!

Um abraço ;))

Chantal disse...

Lindo, lindo.

E você também é toda bonitona, hein?

bjokas

Lúcia Soares disse...

Lindo demais, Beth. É isso mesmo.

Wilma disse...

Lindo, lindo, inclusive as fotos.

Chica disse...

Esse testo NÃO É DO CHICO BUARQUE.
Já foi atribuído até a Paulo Coelho, Jabor, etc. Mas é de
Tereza Lúcia Halliday, Ph.D
Criação, Análise e Assessoria de Textos
www.terezahalliday.com

Rua Setúbal, 1700/901 - 51130 - Recife, Pe Fone/Fax: (81) 3341-5286

Anônimo disse...

Esse texto é de Fatima Irene, não é de Chico http://www.fatimairene.prosaeverso.net/visualizar.php?idt=1150119

Fran disse...

Nossa Beth, LINDO TEXTO!!!!!
E as fotos?? MARAVILHOSAS!!!
Estou sumida, mas voltei e tenho muitos textos para ler (tenho que colocar a Mãe Gaia em dia rsrs), estava atolada com o trabalho mas agora está tranquilo, e estou com mais tempo para lê-los com calma, apreciá-los e com certeza deixar meus comentários, por isso comecei por esse que eu AMEI!!! Como está?? Tudo bem?? E o nosso buraco, qd sai???
Bjsss,
Fran.