.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Objetos Vintage

Uma vez falei aqui prá vocês que tenho umas manias de coleções, aliás tinha, porque ultimamente tenho sido mais pessoal nos meus gastos. Depois de colecionar muitas baboseiras, tais como; objetos antiguinhos, porta-jóias, louças do tipo bules e xicrinhas, pinguins, quadros, bijous ou qualquer coisa que me apaixonasse de repente e que acabava virando mania e coleção, passei aos gostos de uso pessoal, como bolsas e sapatos que são minha perdição e o de muitas mulheres hoje em dia.


O fato é que eu sempre achei que as coisas feitas antigamente tinham mais beleza e harmonia nas formas. Quer me ver feliz é passear dentro de galerias com antiquários como uma que tem na Siqueira Campos em Copacabana, feira de antiguidades da Praça XV, que por sinal, não vou há muito tempo, feiras ou leilões que tem muito lá em Petrópolis ou no centro do Rio na rua do Lavradio que costuma ter peças lindas expostas aos sábados do lado de fora das lojas. Fico horas olhando pecinhas e me perco no tempo.
No exterior já percebi que há um público que curte muito compras em brechós e cresce hoje em dia, inclusive, a venda desses objetos na internet, como por exemplo neste site de uma jovem chamada Anja Louise Verdugo, de Portland e que tem um blog de roupas "vintage" que na interpretação do termo no mundo da moda quer dizer "artigos de interesse para colecionadores, algo com carinha antiga, de brechó". Achei super legal o blog dela, além de belíssimas fotos e, se vocês moram nos Estados Unidos, deve ser bem mais fácil para encomendar alguma peça. Vale a pena dar uma olhadinha lá, nem que seja pelas fotos.







15 comentários:

Karine disse...

Querida, coisas antigas cá pra nós, tem seus encantos. Gosto das mobílias, absurdamente mais fortes do que as de hoje em dia. Gosto dos relógios, dos tic-tacs e dos cucos, acho uma graça.

Já colecionei muita coisa também, papeis de carta, figurinhas, sapinhos. Quando eu morar sozinha terei uma coleção de Romero Britto em casa, não são lindas as pinturas?

Um beijo grande e boa quinta-feira!

Beth/Lilás disse...

Oi, Karine!
Isso mesmo, mobílias também são meu fraco! Relógio antigo tenho um também lá na serra, mas como móveis acabam precisando de espaço e morar em apartamentos, meio urbano, acaba entulhando o espaço que precisamos.
Por isso agora minhas coleções são pequeninas, como por exemplo; galinhas de todos os tamanhos que deixo numa prateleira da cozinha. São muito fofas e dão um alegre visual.

Você sabe o que é bom, heim! Romero Britto também é show com aquelas imagens super coloridas. Amo!
bjs
...............................................................

Luciana Håland disse...

Beth, eu também adoro coisas antigas, também amo ir a antiquários e brechós, perco a nocão do tempo quando vou a um. Meu marido acha estranhíssimo, ele diz que não entende meu gosto por coisa velha, kkkkkk
Mas agora ele já está entendendo mais e não olha torto quando trago alguma coisa de algum brechó pra casa.
O ruim dos antiquários aqui é que os objetos são caros demais, e muitos nem em bom estado estão mais. Mas vou só pra paquerar.
Gosto de comprar coisas usadas e remodelar também, não sei se você viu uma cristaleira que comprei e pintei, tá no meu blog as fotos. Essa eu convenci meu marido, mas agora quero um armário pra cozinha, e quero pintar, mas não consegui ainda convencê-lo a ir comigo comprar, quero usado. Acho que além de salvar um objeto de ir pro lixo, ainda tem o fator ecológico, que acho muito importante também.
Eu coleciono anjos, mas compro com moderacão, pra casa não ficar abarrotada de anjos.
Beijo

Beth/Lilás disse...

Ah, Luciana!
Então você também é das minhas!
Como é gostoso garimpar estes objetos, né mesmo!?
Depois vou lá ver sua cristaleira que também tenho e adoro!
beijos
............................................................

Wilma disse...

Costumo apreciar coisas antigas e fico a pensar como o tempo antigo parecia ser mais elástico, prova de que tudo estava num outro ritmo, tudo feito com tanto detalhe, dedicação que eu quase não acredito, Mas não coleciono nadica. Fotos lindas, vou lá.

Georgia disse...

Querida, passando só para um abraco. estou realmente sem tempo de te ler com atencao. Espero que vc me entenda.

Bjus

Ana disse...

Beth!
Vc adoraria visitar os brechós de Pelotas! Tem maravilhas!
Tenho muitos móveis antigos, todos lindos! Adoro!
Beijão!

Lucia Cintra Stevenson disse...

Vc ia ficar louquinha numa loja de coisas antigas assim que fomos em Maryland. Nunca vi uma loja tao gigante so com essas coisas, na vida. Acho que ficamos umas boas 2 horas descobrindo salas e mais salas, parecia um labirinto. Cada coisa linda!!! Me apaixonei por um gaveteiro maior que eu, super antigo, e queria tanto comprar! Mas nao tinhamos onde por, nem como levar pra casa, pois eles nao entregam em outro estado. Pena, pois era lindo.

E bolsas e sapatos entao...um dia vou tirar fotos do meu armario entupido pra voce ver. Bjos

Lucia Cintra Stevenson disse...

Ps: tb comprei um pote de galinha naquela loja de antiguidade. Mt fofa. Vou achar o link no meu blog pra vc ver a foto.

Adoro galinhas na cozinha, mas a minha e' cheia de vacas, rsrs. Bjos

As aventuras de uma brasileira no Egito disse...

Sabe Beth, com essa historia de morar em outros paises, ainda nao consegui decorar uma casa ao meu estilo, mas eu encontro tantas coisas que quero levar tudo comigo....kkkkkkk

Hj estou soh o "po da rabiola"....kkkkk....uma preguica sem fim......kkkkkk

Um beijooooooooooooo

Fiquem com Deus

Barbrinha

Quiquinho disse...

Oi Beth,
Tb adoro brechos e companhia, alias esse é um dos nossos passeios preferidos (meu marido tb gosta de ver as "novidades" dos antiquarios). Como disse, alguns objetos do passado sao tao bonitos, tao especiais, que adoraria ter mais alguns aqui em casa...vou ter que continuar os passeios...vai ser duro, duro...
Beijos

Beth/Lilás disse...

Wilma,
Começa uma coleçãozinha, você vai ver como é bom! haha
bjs
........................................................................
Lucinha,
Menina, dizem que aí nos States tem muita coisa linda de antiquário e brechós. Eu se fosse vc, já que é jovem e está decorando a primeira casa, compraria devagar e só coisinhas interessantes. É muito mais legal do que comprar coisas industrializadas em série como tem hoje em tudo que é lugar, não acha?!
bjs
.................................................................

Barbrinha,
Olha querida, você não precisa comprar nada de antiquário, pois já vive num país que é antiquário puro, com suas esfinges, pirâmides, sarcófagos e múmias.
Prá você, aconselho algo mais clean e novinho, senão parece que estará vivendo em outra dimensão. hahahha
bjs
..................................................................

Quiquinho,
Teu marido deve ter bom gosto e aí na França também deve ter cada coisa linda, talvez muito caras, não é?! Ah, eu aí!!!
bjs
.................................................................

Beth/Lilás disse...

Ana,

O Sul tem mesmo uns antiquários legais, já fui em alguns. Quando eu for prá essas bandas vou procurar.
beijos
........................................................

ML disse...

Como tenho uma enorme aversão a "guardar", vivo me resentindo de tantas coisinhas que deveria ter guardado, mas, pela falta de utilidade imediata, doei.
As vezes, isso dói!

Uma conhecida disse que guardava uma mala, debaixo da cama, com tudo o que estava "out".
Dada a "insustentável leveza do ser", vai que um dia ela acordava desejando o que nem mais lembrava que existia, e aí ... era só lavar, relaxar e ... usar!

bjnhssssssssssss

Beth/Lilás disse...

ML,
Ah, não! Guardar em malas coisas não dá mesmo! Não suporto ficar guardando e acumulando espaço com coisas que imagino que poderei precisar num futuro. Tô fora!
Sou muito de dar também, principalmente roupas.
Gostei do "insustentável leveza do ser"! rss
bjs
..........................................................................