.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

domingo, 21 de agosto de 2011

Descobrir em nós lugares desabitados




"Tem muita gente que se distrai e é feliz pra sempre, sem conhecer as delícias de ser feliz por uns meses, depois infeliz por uns dias... Viver não é seguro. Viver não é fácil. E não pode ser monótono. Mesmo fazendo escolhas aparentemente definitivas, ainda assim podemos excursionar por dentro de nós mesmos e descobrir lugares desabitados em que nunca colocamos os pés, nem mesmo em imaginação. E, estando lá, rever nossas escolhas e recalcular a duração de "pra sempre". Muitas vezes o "pra sempre" não dura tanto quanto duram nossa teimosia e receio de mudar."






Martha Medeiros




15 comentários:

Celina Dutra disse...

Beth,
o exercício de se redescobrir é fantástico. Somos surpreendentes. às vezes encontramos coisas feias outras, maravilhas.

girassóis sempre nos seus dias.
Beijos

Valéria disse...

Oi Beth!
Precisamos ousar! Na vida precisamos deixar às vezes a mesmice do carrossel e viver as emoções de uma montanha russa que nos faça descobrir e viver o inimaginável.

Beijos e uma ótima semana!

Márcia Cobar disse...

Nossa Beth, o texto falou comigo...
Amei a foto tambem!
Bjs
Marcia

✿ chica disse...

Escolheste mais uma vez muito bem! Uma semana linda pra ti e teus!beijos,chica

Cláudia disse...

Olá Beth
Se há palavras nas quais nunca acreditei foi nessas: "para sempre". Nada é para sempre, e isso não é mau. Como diz o texto, o pra sempre provoca monotonia. Todos os dias somos confrontados com novas informações ou acontecimentos que podem trazer novidades e alterações, quebrando o que tínhamos como garantido. E, mais uma vez, acho que isso é positivo.
Bjs

Orvalho do Céu disse...

Querida Beth
Quando vi o título do seu post de hoje automaticamente me reportei à ESPIRITUALIDADE que habita em todos nós... Lindo!!!
Bjs de paz e ótima semana.

Bia Jubiart disse...

Sou um perigo! Adoro mudanças...

Beth, uma semana especial p/ vc!

Beijooooooooooooo

Paulo Rideaki disse...

Mamãe GAia,bom dia, tá um frio aqui em São Paulo, tô sem coragem para ir trabalhar, e resolvi ler alguns blogs, com Pensamentos, relevÂntes e profundos, como esta sua postagem!
AS pessoas sempre procuram nos outros , o que querem para sí, e depois acabam se decepcionando. E o pior elas ficam decepcionadas com as pessoas, quando na verdade o erro foi delas mesmas, foi o seu "modus operandis"
Se agente se conhecesse melhor,e aprendessemos a nos amar, a busca pelo algo a mais nas outras pessoas teriam um gosto melhor e um outro sentido !
Afinal de contas é nos amando e conhecendo melhor que podemos amar o próximo!
Precisamos nos conhecer melhor, descobrir o que temos de melhor para oferecer ao mundo!
Mamãe Gaia, espero que ai no Rio não esteja tão frio quanto em Sampa! TEnha um ótimo inicio de semana!

Pitanga Doce disse...

Bom dia Beth! Tá certa a "Marthinha"! Dar uma voltinha lá fora e outra cá dentro.


Tás gostando desse tempinho, amiga? Frio dos dois lados da Ponte!

pensandoemfamilia disse...

Oi Beth
Este redescobrir é fantástico e é um dos fatores que me deixam apaixonada pela minha área de trabalho...
Linda idéia, lindo post.
bjs
Boa semana

Camille disse...

Concordo com isso, Beth. Viver nao é seguro. Nada é para sempre. E por isso tudo se renova. É aquela historia, mudar todos os dias, para continuar sendo a mesma: um ser em constante evoluçao,
Beijos e boa semana!
Cam

Teresinha Ferreira disse...

Olá Beth,
Gostei muito disso: "excursionar por dentro de nós mesmos e descobrir lugares desabilitados..."
Tem algumas mudanças que eu adoro. Detesto a mesmice.
Bjs mil

Teresinha Ferreira disse...

Olá Beth,
Gostei muito disso: "excursionar por dentro de nós mesmos e descobrir lugares desabilitados..."
Tem algumas mudanças que eu adoro. Detesto a mesmice.
Bjs mil

Paloma disse...

¨Nada Dura Para Sempre¨este é o titulo de um livro de Sidney Sheldon. Poís é, também acho, nada é para sempre.

Lizete Delmonte Ferraz disse...

"Prefiro ser essa metamorfose ambulante, do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo, tudo tudo..."

Beijos