.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Pinçando poesias natalinas





- Árvore da Lagoa-2010 -




Pois para isso fomos feitos: Para a esperança no milagre

Para a participação da poesia
Para ver a face da morte
De repente nunca mais esperaremos...
Hoje a noite é jovem; da morte, apenas
Nascemos, imensamente.

(Vinícius de Moraes)



Caia logo estrelinha
Estrelinha aí do céu
Nos convide com magia
Para ver Papai Noel

(Narcélio Lima)


Caixas de tamanhos diversos,
cores mil,
laços bordados em todos os extremos,
Vitrines com cenários Natalinos,
com o verde acenando a esperança
Rumo à vidas sem dores e guerras

(Débora Villela Petrin)


Cada menino 

abre um olhinho 

na noite incerta 

para ver se a aurora 

já está desperta. 

De manhãzinha 

salta da cama, 

corre à cozinha 

mesmo em pijama. 



(António Gedeão)













15 comentários:

Nina disse...

Que imagens lindas vc postou aqui Beth, ontem tava pensando nisso aqui, como essas imagens de natal mexem com a menina que ainda somos, né? Natal pra mim ainda é isso, de uma beleza que mexe com a alma mesmo. Sou tao infantil algumas vezes...

os texto tbm, de uma singeleza, tao pura!
feliz natal querida!

Chica disse...

Poesias lindas pra esse período lindo! beijos e FELIZ NATAL, chica

Cucchiaio pieno disse...

Querida Beth
Que post mais fofo!
Um grande abraço
Léia

Bordados e Retalhos disse...

Beth, adorei essa ideia de pncelar as poesias natalinas. E essa árvore da Lagoa, ficou uma beleza. Em janeiro estarei aí e certamente vamos nos conhecer. Bjs

lolipop disse...

Querida Beth,
Não sei qual dos textos escolhidos por vc é mais bonito, mas a minha preferência vai para o de Vinicius...
"(...) para a esperança no milagre."
Tocou-me especialmente nesta época em que gostávamos de poder fazer milagres para espalhar calor, carinho...e paz.
TERNURASSSSSSSSSSS

pensandoemfamilia disse...

Oi querida Beth.
Sua nova roupagem está linda e para variar (rs,rs,) a foto está excelente. Os poemas nos insprira a magia desta época. Enfim, aqui sempre encontro alegria para olhos e~calor ao coração.
Deixe algo lá no meu espaço do qual você faz parte.
bjs,....

Lu Souza Brito disse...

Querida Beth,

Todas as fotinhas são lindas e as poesias sao a pura magia do Natal.
Passando para te deixar um enorme beijo e desejo de Boas Festas para você que é uma pessoa muito querida para mim e pra toda sua familia.

Estarei "conectada " estes dias todos, pois só nao trabalho nas vésperas e dia do feriado, mas sei que a maioria nem chegará perto do pc por estes dias.

beijooooooooos

ManDrag disse...

Que seja um Natal feliz, com harmonia e tranquilidade, pelo menos no seio familiar (que é onde o Natal deverá ser comemorado, com recolhimento e reencontro).

Um abraço de Amor e Paz!

nacasadorau disse...

Amiga Beth!

Textos lindos para esta época.
Adoro Vinicius.

Feliz Natal
Feliz Natal

Chegou o Natal

Chegou Natal
Sem estrondos,
Sem alaridos
Nem algazarra …
Simplesmente chegou.
Com alguma timidez,
Envolto no acanhamento de um tempo
Que se faz ligeiro,
Embrulhado em mantos
Tecidos de muitas e cores.
Mas o Natal chegou.
Sem a intimidade de ontem,
Mas com a alegria das festas
E manifestações de “causas e coisas”
Lembrando a época, um tempo
O teu regaço.
Mas o Natal chegou,
Sem a solidariedade sábia de ontem,
Mas com a profusão de vontades
Voluntariosas
Briosas
E tão caprichosas…
Mas o Natal chegou
Com os sabores da tradição
Em mesa posta,
Toalha branca, alvura
Rabanadas, bolos de menina
Coisa fina.
Sonhos doces, formigos e mexidos
Em forno lento
E ao relento das vontades
Alicerçadas no tempero da solidariedade.
Bacalhau, batata, couve da horta
Agitação garrida,
Mimosamente tecida…
Desejada em cada porta.
Bolo-rei, filhós, vinho quente
Amor presente
Em cada rosto,
No mimo posto
Na tua chegada.

Mas o Natal chegou!

Natal de 2010
Maria José Areal

Beijinhos
.

Nilce disse...

Oi Beth, cheguei! Ufa!

Que delícia estas fotos/figuras e poesias que nos alegra em lembrar o Natal.
Adorei!

Que você tenha um Natal abençoado e que 2011 seja de muita paz e realizações.

Bjs no coração!

Nilce

Lúcia Soares disse...

Beth, um mimo tudo o que postou. Os textos e as fotos.
Feliz Natal para você e sua família, com muitas bençãos e alegrias.
Beijos mineiros, com muito carinho!

nacasadorau disse...

Olá de novo amiga Beth!

Só voltarei perto do fim do ano.
Até lá!
Bom Natal!
Prometo ser mais assídua em 2011.
Lembro-me de ter cá estado pelo nome Gaia.
Gaia é a cidade onde mais anos vivi é quase como a minha cidade mãe.

Beijinhos

Carla Farinazzi disse...

Oi Beth!!!

(sabia que cada vez que te vejo no meu blog fico MUITO feliz??? porque sei o quanto você é especial!!)

Lindo post... Pinçou das poesias as melhores, e das imagens também! Gostei de todas, mas fiquei com a imagem da criancinha na cozinha de pijama de manhã... Lúdica, simples e sincera...

Obrigada pela (sempre) partilha!!

Beijos

Carla

Luciana Håland disse...

Belo post, com a marca da sua delicadeza.
Vim te desejar um Feliz Natal, para você e família. Muita paz, muito amor, muita compreensão e muitas alegrias.
Obrigada pela companhia esse ano, e espero sua companhia, mesmo a distância, no ano que vem.

Um beijo quente enviado de uma terra fria, mas só a terra, as pessoas tem almas quentes aqui também.

Feliz natal!

aminhapele disse...

Boas Festas,Beth e Família.
Tive a sorte de ser aluno de António Gedeão,no 3ª 4º e 5º ano do Liceu.
Foi o meu professor de Física,de seu nome Rómulo de Carvalho.
Um abraço a todos.