.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

quarta-feira, 19 de maio de 2010

A Natureza agradece

Esta semana aqui no Rio, em audiência pública no Palácio Tiradentes, foi discutida a aplicabilidade da lei que dispõe sobre a substituição e recolhimento de sacolas plásticas em estabelecimentos comerciais de todo o estado, não será sobre comodidade, e sim sobre a questão ambiental.  Assim,  o comerciante carioca tem 3 anos para substituir todas as sacolas plásticas por bolsas feitas de materiais reutilizáveis e resistentes ao uso contínuo, que suportem o transporte das mercadorias em geral e que atendam a necessidade dos consumidores.


Os estabelecimentos, no prazo de um ano, serão obrigados a fixar placas com as dimensões de 40 cm x 40 cm, próximas aos locais de embalagens de produtos e caixas registradoras, com o seguinte aviso: "Sacolas plásticas convencionais dispostas inadequadamente no meio ambiente levam mais de cem anos para se decompor." (fonte aqui)

Eu já tenho e uso as minhas há algum tempo e com isso, diminui enormemente a quantidade de saquinhos plásticos aqui em casa, mas às vezes sinto que sou observada por alguém na fila do supermercado ou hortifruti, achando-me exótica ou, quem sabe, pobre, como ouvi hoje em comentário na CBN,  de alguém que comentou isto em relação às pessoas que usam suas próprias sacolas.  Pobre é a cabeça desses que ainda não entenderam que para se ter uma melhor qualidade de vida, precisamos respeitar o meio ambiente. Obviamente não estou nem aí para o que alguém  assim possa estar pensando de mim. Minha intenção é somente colaborar para menos impacto sobre a natureza, afinal a bendita sacolinha plástica é uma praga nacional e tudo que passa por uma caixa registradora tem que ser enfiado num saquinho plástico, até comprimidos ou coisas pequenas que poderíamos levar na própria bolsa de passeio.

Uma verdadeira plasticomania dos trópicos!  Mas, nós, mais esclarecidos, temos obrigação de recusarmos e lembrarmos de levar nossas bolsas ou bolsinhas para as compras.  Sinto que a consciência está aumentando, já vi algumas pessoas utilizando suas próprias sacolas ou pedem no supermercado, caixas de papelão para acomodar suas compras.  Muito bom, quem sabe com isso, diminuimos o caos que as chuvas de verão transformam o Estado do Rio ou em breve todo o país terá o mesmo procedimento no comércio varejista!

E você, já comprou a sua?  Uma dica é deixá-la no porta malas do seu carro, assim não corre o risco de esquecê-la em casa e voltar cheia de saquinhos plásticos perigosos.
  
Modelito chic que trouxe de Londres usada na maior rede de supermercados de lá.

Este bolsão comprei na rede Hortifruti daqui da cidade.

Esta pocket pode ficar em sua bolsa de passeio, pois a sacola fica dentro desta pequena bolsinha e serve para qualquer compra eventual. 


Não esqueça:  Leve de casa a sua própria sacola,  use sacolas reutilizáveis, ou peça caixas de papelão do supermercado para acomodar suas compras. 
A Natureza agradece.




27 comentários:

Mila Viegas disse...

Lembro que na época que eu era criança os supermercados tinham sacolas de papelão. Meu avô sempre usava umas sacolas feitas de "um material que não lembro o nome (rs)", para fazer a feira. Hoje o nome "chic" é ecobag.

Quando vou ao mercado eu gosto de trazer em caixas de papelão. As compras se acomodam muito melhor, não corre o risco de arrebentar (porque cá entre nós as sacolas plásticas são de péssima qualidade)... Enfim!

Eu confecciono ecobags mas não vendo não. Quer dizer! Nunca tentei vender... rsrsrsrs. Depois mostro uma no meu blog.

Espero que cada vez mais as pessoas se conscientizem!

disse...

Riqueza maior que a consciência da preservação da natureza e consequentemente nossa, não há. Muito bem! Estou com você! Bjos

Lucia Cintra disse...

Rsrsrs, eh uma das coisas que vou vender na minha loja virtual, com designs meus e tb "custom made" pra pessoa se escolherem isso. bjos

Mariel Stüpp disse...

Que fofa aquela do Tesco! Bem mais resistente que a minha!
Aqui em casa usamos os dois. Quando acabamos comprando as de plástico, elas são usadas pro lixo.
Eu tenho uma de pano com a catedral maravilhosa de Colônia desenhada, mas já está abrindo a costura, tenho que arrumar!
Aqui ainda não se vê muita gente usando estas, a galera compra mesmo as do mercado. O que me consola é que tendo um preco, o povo não usa aquela orgia que usa no Brasil!
Beijos
ps: coloquei foto minha da formatura no blog, a que eu disse que era muito clara, mas foi. rsrs

manuel marques disse...

Vamos reciclar,vamos mudar o mundo.


Beijo.

Bia Mendonça disse...

Beth, quando estive em NY com a minha familia, a gente so usava umas sacolas dessas (as nossas tinha escrito: Thinking Green!).

Aqui na Suica a gente tb so usa essas sacolas! Eu acho tao bonitinho, e tao pratico!

E vc acredita que o suico (namorado) eh todo ecologico (alem de vegetariano) e recicla e faz tudo bonitnho... e tem me contagiado ate demais?! hahaha

bjos

Heloísa disse...

Beth,
É isso aí. Quanto mais campanha, melhor.
E achei ótima essa ideia de deixar uma sacola no porta malas do carro, ou de andar sempre com uma dessas sacolinhas dobráveis na bolsa.
Há algum tempo escrevi no meu blog sobre a necessidade de eliminar as sacolas plásticas e as fraldas descartáveis. Não sei se você se lembra.

http://blogdavovohelo.blogspot.com/search/label/sacos%20plásticos

Beijos.

Manuela Freitas disse...

Olá Beth,
De facto é uma boa medida, já tenho visto esses vídeos, com essas hororosas sacas de plástico, que levam anos a se desintegrar.
O que diz, aplica-se por cá, há muitas cabeças a precisar de serem recicladas. Proceder como deve ser, nem é difícil, mas...nem se compreende a teimosia!
Beijinhos,
Manú

Glorinha L de Lion disse...

Amiga, que lindas suas sacolas...só tenho uma da Natura, de algodão...tenho que comprar mais...mas acho que devemos divulgar mesmo isso...já pode contar comigo...vou seguir seu exemplo e deixar sempre no carro! Beijos.

Françoise disse...

Me lembro que quando sai do Brasil alguns supermercados da minha cidade já estavam incentivando e disponibilizando o uso das caixas de papelao que nunca tínhamos acesso. Estou aqui aprendendo a levar a minha de pano que dobro e carrego na bolsa comigo mas nada como esta sua assim tão chic, linda demais, e ainda dizem que uma atitude dessas é pobre????Erg, povo mais sem noção! Terão que aprender aos trancos e barrancos, chegamos lá um dia...


Bjos,até.

cantinho she disse...

Oi Beth!
Primeiramente quero te falar que foi um prazer colorir a vida contigo na blogagem coletiva! E por conta disso tem flores pra vc lá no meu Cantinho no post: "para vc do colorindo a vida"
E agora sobre o post: confesso que fiquei com vergonha, pois aqui em casa ainda não aderimos a essa consciência, mas faremos com certeza! Menina me apaixonei pelas sacolas, mas tenho visto mesmo por aí cada sacola linda!
Bjo, bjo carioca e branco!

Sonia H disse...

Oi, querida Beth,
Obrigada pela força! Estou me recuperando, mas não posso exigir que esteja 100% somente uma semana depois da cirurgia, né...
Quanto às bolsas, eu tenho desta linda do Hortifruti. E aquele que disse que é pobreza, confundiu o substantivo, é ignorância quem não mudar de atidude.
Gostei da tua idéia de deixar no carro, pois às vezes, esqueço de levá-las.
E aí eu me sinto culpadíssima em trazer os sacos para casa.
Beijos,

Heloísa disse...

Beth,
Mandei um e-mail para você. Dê uma olhadinha.
Beijos.

gabriela disse...

Olá Beth
Aqui também em alguns ipermercados já se compra essas bolsas grandes para as compras eu já aderi, temos que fazer algo pelo meio ambiente, mas há muita gentinha que prefero os sacos de plástico.
Um abraço desta sua amiga

Eduardo disse...

Beth, eh isso ai: temos que conscientizar a todos para reduzir a poluicao. No meu blog coloquei dois assuntos onde a poluicao eh comentada: mitos e realidade, como a fotossintese e aquecimento global. Por aqui o supermercado tem um lugar para as pessoas devolverem os sacos plasticos e vemos por todo lado as sacolas de pano para quem quiser ajudar. Tambem o lixo tem uma caixa azul especial para colocar reciclaveis.
Vamos ao verde.
Um abraco
Shrek

Lúcia Soares disse...

Já uso minha sacolinha de pano, viajei com uma, é muito mais prática.
É aquela velha história: cada um se conscientizando, vira uma multidão.
Bj

Ivana disse...

Beth, vou ser sincera: tenho uma sacolinha ecológica pequena, mas nunca lembro de usar. Já até comentei com marridom que temos que acabar com este negócio de saco plástico aqui em casa, mas ele sempre me pergunta como vamos fazer com o lixo, já que colocamos no saquinhos de supermercado, como uma maneira (inútil, diga-se de passagem) de reutilizá-los. Como fazes com o teu lixo? Onde armazenas?
Beijos!

Gisa disse...

Ótimas dicas Beth, aqui em casa também evitamos as sacolas. Minhas meninas aprenderam desde pequenas respeitar a natureza e elas mesmo chaama atenção quando pegamos sacolas nas lojas... precisamos fortalecer essa idéia que é um enorme ato de amor a natureza.

bjao

Beth/Lilás disse...

Ivana, você me fez uma pergunta, então:

Como consegui reduzir em muito meus saquinhos plásticos, utilizo apenas um grande para uma lixeira de lixo em geral que fica na área de serviço. Tenho uma outra lixeira só para lixo reciclável que, depois de bem lavados, dou para o porteiro do prédio que leva e vende no local mais próximo daqui de casa e fica para ele o dimdim.

Geralmente as frutas e legumes, a gente coloca num daqueles saquinhos transparentes, não tem jeito.
Então, são estes em que coloco meu lixinho feito na cozinha e depois vai para dentro da lixeira grande.

Por enquanto ainda é muito difícil eliminarmos o plástico de nossas vidas, haja vista que quase tudo hoje em dia é feito de plástico, mas agindo assim, fazemos como a história do beija-flor, pois se todos fizermos nossa parte, com certeza, os danos à Mãe Gaia serão bem menores.
beijão

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Isabel disse...

Beth,
muito bom o seu post!
Eu faço o meu papel de cidadã responsável. Ando sempre com uma dessas bolsinhas com um saco reutilizável. Tento minimizar a utilização de sacos de plástico ao mínimo possível.
É como você diz, a natureza agradece.
Bjs

Somnia Carvalho disse...

Oiee adorooo essas sacolas de mercado que nao sao de plasticos!!! adorei o post Lilla!

vorrrto ja ja pra comentar mais, meu macarrao ta apitando!

beijoca

Tati Pastorello disse...

Beth, parabéns pela postagem. É bom demais falar sobre esse assunto, desmistificar, mostrar vantagens e facilidades por que mudar nem sempre é fácil.
Às vezes esqueço minha eco bag, nestes dias, sinto um pouco de vergonha. Quando compro coisas pequenas (ou nem tão pequenas assim, depende do tamanho de minha bolsa no dia) dispenso a sacolinha. Em geral sinto um olhar de satisfação, de entendimento do atendente, às vezes um olhar curioso, incrédulo. Não ligo, sei que só este fato já induz à reflexão e fico feliz por isso! Sinto-me bem, rica, parte da grande Gaia quando ajo certo! Beijos.

Teresinha Ferreira disse...

Parabéns pela sua atitude!!! Já tentei comercializar minhas sacolas para essa finalidade, mas...
Às vezes, fico observando nos shoppings e vejo quantos copos descartáveis são jogados junto com outros lixos. Talheres de plásticos, também...
Por mais que se fale sobre o meio ambiente, sobre conscientizar as pessoas, falta muito para obtermos, nas ruas, depósitos para reciclagem ou pessoas engajadas para ajudar. Pobre de espírito esses que dizem não ligar para o que está acontecendo atualmente.
Um dia...Um dia, teremos um mundo consciente.
Fique bem.
Bjs mil

Laura disse...

Sabe Beth, qdo cheguei aqui achei o fim eles nao disponibilizarem as sacolinhas do cão. Pouco tempo me acostumei e adorei a ideia e agora qdo cheguei no Brasil estava tão acostumada que qdo ia as compras sempre levava a minha!!!

Não se sinta pobre, meio exotica pra mim é elogio, entao se acabe, pq tem cada sacola ecologica mais linda que as outras!!

beijosss

Lu Souza Brito disse...

Beth, seu post mostra que com um pouco de atençaõ e carinho com o meio ambiente conseguimos sim ajudar. Eu tenho as minhas a mais de 3 anos (a primeira comprei no Pão de Açúcar). Claro que se usa sacolinhas em casa AINDA, mas a redução foi significativa.
Se comrpo remedios, absorvente ou pequenas coisas em lojas, farmacias, supermercado, recuso as sacolinhas e jogo tudo na bolsa (que é gigante).
Eu li esta noticia no Jornal do Rio e li que os supermercados terão inclusive que direcionar as pessoas para a reciclagem do lixo, informar onde depositar pilhas, celulares, baterias e caso nao façam isso, as pessoas poderão levar seu livro e deixar no estabelecimento

Beth/Lilás disse...

Então, Lu!

Você não acha que isso poderá ajudar o Rio enormemente, principalmente quando vem aquelas chuvaradas brabas do verão, estação que só traz calamidades a cada ano e com certeza, muita coisa ruim poderia ser evitada se as pessoas não jogassem tanto lixo nas ruas e cabeceiras de rios.

Tomara que essa lei pegue, não vejo a hora!

beijos a todos

=========================================================================================================

Dani dutch disse...

Aqui a maioria das pessoas tem suas sacolas próprias quando vão as compras, inclusive eu ... bjuss