.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

segunda-feira, 8 de junho de 2009

Tudo azul

Para complementar a poesia sobre o Azul abaixo, achei este videozinho todo azul de uma cidade no Marrocos que mais parece um sonho. Entre nela enquanto lê a poesia e imagine um dia assim, todo azul, todo sonho.
Chaouen


Então, pintei de azul os meus sapatos
por não poder de azul pintar as ruas,
depois, vesti meus gestos insensatos
e colori as minhas mãos e as tuas.

Para extinguir em nós o azul ausente
e aprisionar no azul as coisas gratas,
enfim, nós derramamos simplesmente
azul sobre os vestidos e as gravatas.

E afogados em nós, nem nos lembramos

que no excesso que havia em nosso espaço
pudesse haver de azul também cansaço.

E perdidos de azul nos contemplamos
e vimos que entre nós nascia um sul
vertiginosamente azul. Azul

(Soneto do desmantelo azul, de Carlos Pena Filho)


9 comentários:

BarbieGirl disse...

Não podia ser tudo PINK?? KKK

Bjks

Célio disse...

Olá, muito interessante seu blog, Parabéns.
Abraços.

BRUXINHA disse...

Beth, hehehhe eu já espetei muito as mãos, mas nesse domingo eu fui esperta e só peguei os cactus com luvas e tem que ser aqeulas de jardineiro grossas, que são um problema pq nos fazem perder a sensibilidade , então eu segurava o mais leve que conseguia, sem apertar. Mas foi ótimo meu dia, trabalhei até escurecer. Quando fui fotografar tava escurecendo. é uma terapia, , a gente não sente as horas passarem. Adoro. beijocas

Rose disse...

Interessante!... Por aqui também uma mensagem azul...
O meu post de hoje é LILÁS AND BLUE!... Coincidências coloridas? Talvez...
Que nosso dia seja multicor, BETH!
Beijos de carinho,
Rose.

ML disse...

Nossa, que tranquilidade deve ter quem mora num lugar assim.
Lá não deve ter nem a algo parecido com a chatice da "voz do brasil (he, lerererá) - que acabei de desligar!
E o poema serviu como uma luva ao slide.
Bacanésimo, parabéns!

bjnhs e boa semana pra Você.

Lúcia Soares disse...

Muito rústico, muito calmo, muito bucólico, muito azul.
Onde você encontra esses vídeos? Lindos demais!

Georgia disse...

Achei bonito, mas nao sei se poderia conviver com isso todos os dias...

Bjus

Lucia Cintra disse...

Esse lugar existe mesmo? Se for o caso, um dia quero visita-lo! bjos

Sonia H. disse...

Beth,
Obrigada, muito obrigada por compartilhar estas imagens!
Eu sou suspeita a falar do azul; o nome do meu blog já me denuncia. Eu amo a cor azul!!
Nunca tinha ouvido falar neste lugar. Adoraria poder um dia visitá-lo!
Beijos,