.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Na noite dos tempos



Tudo o que vejo parece-me um reflexo, tudo o que ouço, um eco distante, e a minha alma procura a fonte maravilhosa, pois tem sede de água pura.
Passam os séculos, e gasta-se o mundo, mas a minha alma permanece jovem; vigia entre as estrelas, na noite dos tempos.


(Jeanne de Vietinghoff)

4 comentários:

acqua disse...

Awen...

Flávia e Kbça disse...

desculpe mais minha ignorância só ,e permite dizer que é muito bonito o texto.

abraço.

Georgia disse...

Liiiiiiiiiiiiiiiiiindo tudo por aqui!!!

Que pensamento maravilhoso e que foto...

Beijao

crisesdetpm disse...

Lindo demais!!!!
Como sempre está o seu blog!!!!
Beijos mil!!!