.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

sábado, 6 de setembro de 2008

Sábado de sol

Meu marido teve uma semana pesada, daquelas com viagem prá lá e prá cá, frio e chuva no sul e num dos trechos, um aviãozinho turbo-hélice daqueles que balança balança, mas não cai prá completar. Na volta ao Rio, enfiado em sala de reunião e o stress do cansaço que às sextas-feiras demonstram as pessoas que chacoalham a semana inteira.

Nada melhor do que dormir bem no sábado até mais tarde, tomar um super café da manhã e ... pegar uma prainha. E foi o que fizemos. Ficamos lá, lagarteando por 1 hora e meia apenas, mas o suficiente para recarregar as energias em nossas baterias solares, fechar os olhos e agradecer tudo de bom que temos nesta vida.

Já sei que amanhã o tempo vai virar, vem chuva por aí, então adotamos o seguinte lema: Não deixe para amanhã o sol que você pode pegar hoje.

(clique para ampliar)
(Praia de Camboinhas-Niterói-RJ)


p.s.: Danzinhooooooo, fecha a boca e pára de babar!


4 comentários:

Capreta disse...

Opa, acho que já fui nessa praia em uma de minhas visitas a Niterói!
Beeijos.

Lucia Cintra Stevenson disse...

Ah Camboinhas....iamos la o tempo todo! Amo essa praia e que saudades!!! Bjos

As aventuras de uma brasileira no Egito disse...

OOOOOOOOOO deliciaaaaaaaaaaa.......que marzao lindo!!!!

beijos e fiquem com Deus

Uma Brasileira nas Arábias disse...

Que delícia mesmo, hein! ;)
Eu também vou à praia para recarregar as energias. Raramente entro na água, porque no RJ é gelada à beça, mas gosto de fazer caminhadas, sentar e olhar o mar em Ipanema e depois, completar o passeio com uma água de coco ou um copão de açaí. Precisa de mais do que isso para alguém ser feliz? :D Deus é muito bom, né não? ;) Bjs.