.....................................................................................................................................................................Porque não só vives no mundo, mas o mundo vive em ti. .....................................................................................................

quarta-feira, 3 de setembro de 2008

I love Luis Fernando



Recebi hoje os dois livros que comprei pela internet e que estava ansiosa para lê-los.

José Saramago em Ensaio sobre a Cegueira e Luis Fernando Veríssimo em O mundo é bárbaro.

Como o do Veríssimo são textos curtos, com assun
tos geralmente de interesse do nosso cotidiano, já fui logo lendo e a cada crônica acabada dava mais vontade de prosseguir, tal a forma como este fantástico escritor nos prende a atenção. Vejam este trecho que incrível e como a hipótese que ele cria mostra toda nossa incapacidade como seres humanos diante do universo e de Deus:


Inquilinos

"Ninguém é responsável pelo funcionamento do mundo. Nenhum de nós precisa acordar cedo para acender as caldeiras e checar se a Terra está girando em torno do seu próprio eixo na velocidade apropriada e em torno do Sol, de modo a garantir a correta sucessão das estações. Como num prédio bem administrado, os serviços básicos do planeta são providenciados sem que se enxergue o síndico - e sem taxa de administração. Imagine se coubesse à humanidade, com sua conhecida tendência ao desleixo e à improvisação, manter a Terra na sua órbita e nos seus horários, ou se - coroando o mais delirante dos sonhos liberais - sua gerência fosse entregue a uma empresa privada, com poderes para remanejar os ventos e suprimir correntes marítimas, encurtar ou alongar dias e noites, e até mudar de galáxia, conforme as conveniências de mercado, e ainda por cima sujeita a decisões catastróficas, fraudes e falência."



Fala sério minha gente, este Veríssimo é demais! Vou ler bem devagarinho para sorver cada palavrinha e refletir sobre seus textos, sua indiscutível inteligência e humor inigualáveis.





10 comentários:

Teresa disse...

Bom dia amiga
Ando stressada com o blog (risos) como disse os problemas no sapo continuam, então estou a mudar tudo para o Blogger. Tenhoque tranferir tudo mas já está quase.
Aqui deixo o novo endereço
http://www.mares-de-saudade.com/
Por enquando não há novos postos, mas penso acabar hoje a transferencia
Bons livros esse que comprou.
Beijinhos e boa quarta feira
Teresa

Renata disse...

Adorei o texto. Tambem sou apaixonada pelo Luis Fernando...
Outro que gosto muito tambem eh o Arnaldo Jabor.
Beijocas

As aventuras de uma brasileira no Egito disse...

Ensaio sobre a cegueira eh muito bom, eu devorei o livro quando o li.......

Ai que saudade da minah terra, onde eu podia comprar livros e livros e mais livros.....hehehehhehe

Estou sem nenhuma leitura legal por aqui....ai vou lendo meus blogs preferidos....heheheh


Beijos e fiquem com Deus

ronaldonezo disse...

fiquei com vontade de comprar o livro. bom dia!

Laura disse...

Linguagem clara, inteligente, q nos prende e fascina.

Obrigada pela visitinha, e volte sempre!!

Beijos!

Kenia Mello disse...

Gosto muito dos Veríssimo, especialemente do Érico. Estou lendo atualmente O Tempo e o Vento, num grupo de leitura on line.
E Saramago, bem, é paixão antiga. Tenho certeza que você vai gostar do Ensaio. Depois leia O Evangelho segundo Jesus Cristo, é maravilhoso.
Beijos.

Georgia disse...

Eu tb gosto muito.

Bjus

Lu Olhosde Mar disse...

ele é muito bom!!!! se puder leia 'comer, rezar e amar', é fantástico!! um beijo!!

Lúcia Soares disse...

Gosto demais dos Veríssimo, também. Leitura de qualidade garantida. Ainda mais com humor.
Lilás, vc recebeu meu e-mail falando dos livros da Leila Ferreira? Abraços.

RoCosta disse...

Já leu do Veríssimo As mentiras que os homens contam? É muito bom... adoro.
Forte abraço sempre.